Caso haja novas eleições, Marquinho diz que vai se candidatar de novo

STF decide que, se houver cassação, segundo não assume

Publicado em 09/03/2018 às 08:34

O prefeito de Cabo Frio, Marquinho Mendes (MDB), admitiu ontem que pretende ser novamente candidato ao cargo, no caso de ter o mandato cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A chance de haver novas eleições na cidade, assim como em Búzios, aumentou bastante depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) julgou improcedente a ação direta de inconstitucionalidade (ADI) 5619, que pedia a posse do segundo colocado nas eleições, no caso de vacância do cargo, mesmo em cidades com menos de 200 mil eleitores. Cabo Frio tem 147.705 e Búzios, 26.209, segundo dados do TSE.

Aparentando tranquilidade, Marquinho disse estar confiante que permanecerá no cargo. O prefeito comentou ainda que não pensa em outros nomes para uma eventual eleição, enquanto seu processo não for julgado no TSE, o que não tem data para acontecer, mas não deve demorar.

– Vejo com naturalidade a decisão. Já esperávamos que o STF pudesse acatar essa tese [de novas eleições]. Estou muito confiante porque meu caso é diferente dos demais. Fui deputado federal eleito e com o registro deferido. Haverá muitos embates judiciais até essa decisão do TSE. Creio muito que meu corpo jurídico vai fazer com que eu termine o mandato para reconstruir a cidade – acredita Marquinho.

Sem plano B – Marquinho negou que pretenda lançar em uma eventual eleição outros nomes do seu grupo político. Estão sendo especulados os do presidente da Câmara, Aquiles Barreto (SD); do vereador Luis Geraldo (PRB) e até de sua esposa, Kamylla Mendes. O prefeito baseia-se na tese do seu advogado, Carlos Magno de Carvalho, que, em entrevista à Folha, disse que Marquinho cumpre os requisitos para concorrer novamente.

– Isso não existe [plano B de candidaturas]. Segundo meu corpo técnico, eu poderia ser candidato. Sendo assim, eu vou ser o candidato – finalizou Marquinho.

A reportagem tentou entrar em contato com Adriano Moreno (Rede), segundo colocado em 2016, para conseguir uma posição sobre o resultado do julgamento no STF, mas o telefone dele estava desligado.

Veja também

Compartilhe:  

COMENTÁRIOS

EXPEDIENTE

Rodrigo Cabral

Diretor

Fernanda Carriço

Chefe de Reportagem

fernanda.carrico@folhadoslagos.com

Redação, Administração, Publicidade e Assinatura

Avenida Francisco Mendes 226, loja 06, Centro - Cabo Frio - RJ

Propriedade da Sophia Editora Eireli - ME.

CONTATO

Redação

folhadoslagos@ig.com.br redacao@folhadoslagos.com
(22) 2644-4698 - Ramal 206
(22) 9971-7556

Publicidade

(22) 2644-4698 - Ramal 215
(22) 9971-7841

Central do Assinante

(22) 2644-4698
(22) 9971-7841