quinta, 13 de junho de 2024
quinta, 13 de junho de 2024
Cabo Frio
27°C
Park lagos
Park Lagos 2
12 Out 202313h00

Fernando Coragem Diniz

O melhor time no futebol é o que faz mais gols, porque quem faz mais gols vence? Ou é quem leva menos gols, porque quem leva menos gols não perde? Para o torcedor, o melhor é quem levanta a taça. Para o investidor, o melhor é quem ganha as premiações em dinheiro. Para mim, O melhor time é aquele que arrisca. Que tem coragem de tentar algo diferente, com beleza, alegria, categoria. E...
25 Ago 202310h18

Maraca ameaçado

Quando inaugurado em 1950 o Estádio Jornalista Mário Filho, nosso popular Maracanã, tinha capacidade para receber 155 mil pessoas. Hoje talvez chegue aos 79 mil. Claro, espremendo um pouco um bumbum aqui, outro ali. E sem anunciar tal barbaridade tropical para a FIFA, a CBF e outros bastiões recatados, dos bons costumes nos estádios. O Maraca encolheu! Mas não é por isso que Flamengo,...
14 Ago 202313h46

Decepção ou ignorância

A campanha da seleção brasileira feminina de futebol foi uma decepção. Taí uma frase crua, injusta e danosa finalizada pela surdez inclemente de um ponto final. Frase tão fácil de ser pronunciada que virou bordão nas ruas de concreto e nas redes virtuais. “As meninas nos decepcionaram!”, disse um. Outro arriscou insinuar que “dessa vez elas tiveram toda estrutura”. E ainda chegou ...
07 Jul 202308h28

Relações líquidas no futebol

O mundo moderno e líquido, já dizia o sociólogo Z. Bauman, é feito de relações efêmeras. A descontinuidade dos afetos, os acordos curtos, desenhados por éticas recém estabelecidas, nos coloca diante de vínculos que podem ser rompidos a qualquer momento. Pois bem, na modernidade estudada por Bauman, as relações líquidas, às vezes, nos pegam de surpresa. Infelizmente o sociólogo...
23 Jun 202306h00

O sonho de Ednaldo não é delírio

Há quem tente acordar aos gritos o presidente da CBF. Até agora ninguém obteve sucesso. Ednaldo Rodrigues, mandatário da entidade máxima do futebol tupiniquim, não se cansa de sonhar com o técnico Carlo Ancelotti. A paquera onírica já teve encontros escondidos. Convites para almoçar. Pedidos sussurrados para que se esperasse mais um pouco. Precisamos entender que um relacionamento ...
08 Jun 202308h39

O erro no jogo de futebol

Minha infância inteira se passou num lugarejo estreito. Espremido pelo vento incansável de um Cabo e as águas do mar, que chegavam até as calçadas das casas. Lugar pequeno demais para possuir estádio de futebol ou time oficial. Mas, como a vida é cheia de contradições, lugar repleto de crianças loucas para fazer parte de uma equipe de futebol. Devia ser por isso que no vilarejo hav...
19 Mai 202306h28

Tela, telinha, telão

Os serviços de streaming de músicas e, principalmente, os podcasts nos puseram numa espécie de túnel do tempo. Voltamos a ouvir! E como na longa era do rádio que atravessou gerações, passamos a ficar atraídos por um autofalante. Ainda que hoje ele tenha o tamanho de uma jujuba colorida e seja carinhosamente chamado de fone . Todo mundo tem o seu fone , seu podcast preferido, e na...
05 Mai 202306h00

Tem que dar Liga

É possível que em 2025 haja dois campeonatos brasileiros. Ou melhor, duas Ligas de Futebol Profissional disputadas, simultaneamente, em território tupiniquim. Uma com 18 integrantes, incluindo Corinthians, Grêmio, Flamengo, Bahia e Mirassol. E outra com 26, tais como, Fluminense, Internacional, CSA, Sport e Operário. A primeira tem sido chamada de LIBRA (Liga do Futebol Brasileiro); a segund...
21 Abr 202306h00

Tá na hora de mudar a regra

Até a Copa do Mundo de Futebol disputada no México em 1970, não havia cartão colorido no bolso do juiz. Era apito e saliva. Muita saliva para repreender as faltas duras disparadas dentro do campo. Isso não queria dizer que a impunidade corria solta. Jogadores eram expulsos. E outros continuavam em campo mesmo sangrando a camisa ou o meião. De início eram necessários dois cartões ama...
07 Abr 202306h26

O viralatismo nosso de todo dia

Nelson Rodrigues entrou de sola! Mandou uma tesoura voadora de dar inveja a um Júnior Baiano no auge de suas mais afiadas decolagens. O cronista havia parado o jogo para dizer que só venceríamos um campeonato mundial de futebol quando abandonássemos o nosso viralatismo. Pois bem, nosso viralatismo não é comportamento superado. Está dentro e fora de campo. E pior, anda correndo nas vei...
Primeira Página Anterior
Última Página