Assine Já
quinta, 26 de novembro de 2020
Região dos Lagos
29ºmax
19ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 11817 Óbitos: 538
Confirmados Óbitos
Araruama 2355 117
Armação dos Búzios 1070 16
Arraial do Cabo 388 16
Cabo Frio 3625 181
Iguaba Grande 1107 40
São Pedro da Aldeia 1801 76
Saquarema 1471 92
Últimas notícias sobre a COVID-19
Aves

Grupo formado por professor e estudantes realiza passeio ecológico em Cabo Frio

Birdwatchers visa observar aves que habitam e frequentam a Região

31 agosto 2015 - 10h22

Professor e estudantes da Universidade Veiga de Almeida vão realizar um passeio ecológico, em uma área de vegetação nativa de Cabo Frio, neste sábado (5), às 7h30m. Denominado de Grupo de Observadores de Aves da Região dos Lagos, os integrantes vão seguir em busca de diversas espécies que habitam ou frequentam a Região dos Lagos.

O professor Eduardo Pimenta, que esta liderando as atividades, sairá da universidade munido com máquinas fotográficas e binóculos para realizar a chamada “birdwatching”, e lembra que esta ação pode ser realizada por pessoas de qualquer idade. Além disso, é uma ótima maneira de passar os ensinamentos da sala de aula aos alunos em uma espécie de aula ao ar livre.

                      

O interesse do grupo não é apenas no esporte e lazer, mas também em produtor ciência para o município. Através do modo Pesquisa-Ação, que adota uma metodologia participativa, os resultados das observações poderão ser analisados no Laboratório de Avaliação de Recursos Vivos dos cursos de Gestão Ambiental e de Engenharia Ambienta da própria Universidade Veiga de Almeida.

Birdwatchers da Região também podem participar. No entanto, é necessário seguir algumas regras: usar roupas de cores discretas, protetor solar e boné; levar água; andar devagar; não conversar ou fazer barulho, caso haja necessidade de se comunicar, o tom de voz deve ser baixo para não espantar as aves; olhar para baixo, a fim de evitar quedas e outros acidentes; levar binóculos e máquina fotográfica; e, acima de tudo, respeitar a distância de conforto de cada espécie e seu habitat.