Assine Já
quarta, 28 de julho de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
15ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 46056 Óbitos: 1864
Confirmados Óbitos
Araruama 11325 353
Armação dos Búzios 5456 57
Arraial do Cabo 1564 87
Cabo Frio 12562 754
Iguaba Grande 4756 114
São Pedro da Aldeia 6144 273
Saquarema 4249 226
Últimas notícias sobre a COVID-19
DEU NA FOLHA

Após reclamações, Prefeitura e moradores transformam 'lixão' em jardim nas Palmeiras

Comsercaf retirou 12 toneladas de entulho e galhos do local, que recebeu mudas de plantas

31 agosto 2020 - 18h08Por Redação

Depois de muitas reclamações, uma parceria entre a Prefeitura de Cabo Frio e moradores deu fim ao ‘lixão’ que havia na Rua Trindade, no bairro das Palmeiras. A situação foi noticiada pela Folha no último dia 24 de agosto, em matéria sobre pontos de acúmulo de lixo na cidade. O local onde havia entulho, restos de móveis e uma montanha de lixo foi revitalizado e vai se transformar em uma área verde.

Uma equipe da Companhia de Serviços Públicos de Cabo Frio (Comsercaf) retirou os resíduos de construção civil, galhos e inservíveis, e fez o plantio de mudas de árvores. Por sua vez, a vizinhança da localidade ficará responsável pelos cuidados com as plantas. Ao todo, foram retiradas 12 toneladas de lixo do local.

Apesar de ter feito o recolhimento, a Comsercaf advertiu que os moradores têm a obrigação legal de contratar uma caçamba para realizar o descarte de entulho. De acordo com a companhia, desde o início do isolamento social, em março, o número de notificações a moradores que cometeram essa irregularidade aumenta todos os meses. Em julho, foram feitas 45 notificações, e outras 59 em agosto, o que significa um aumento de 25%.

Local recebia descarte irregular de resíduos. Foto: Arquivo Folha

A Comsercaf avisou que, em casos de descarte irregular ou poda sem autorização dos órgãos competentes, o responsável será notificado, e em seguida multado, com base na Lei nº 2330/2010. As multas podem variar de acordo com a quantidade de resíduos e o impacto ambiental promovido.

– O morador tem a responsabilidade de descartar esse material, seja por meio da contratação de uma caçamba ou outro equipamento, se certificando que o resíduo será destinado da forma adequada. Sem a colaboração da população, não é possível manter a cidade limpa  – disse Dario Guagliardi, presidente da autarquia.

A população pode contribuir com denúncias por meio dos canais de atendimento da Comsercaf, nos telefones (22) 2648-8906 ou 2648-8907, ou pelo e-mail [email protected].

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.