Assine Já
quinta, 16 de julho de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
13ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 3553 Óbitos: 207
Confirmados Óbitos
Araruama 671 42
Armação dos Búzios 288 8
Arraial do Cabo 88 11
Cabo Frio 1067 66
Iguaba Grande 257 20
São Pedro da Aldeia 565 21
Saquarema 617 39
Últimas notícias sobre a COVID-19
Gol

Cabofriense sofre outro apagão e perde, de virada, dentro do próprio estádio

Com direito a gol olímpico, Nova Iguaçu soma três pontos

17 setembro 2015 - 10h42

GABRIEL TINOCO

 

A Cabofriense, por mais uma vez, deixa escapar a primeira vitória nesta Copa Rio. Após um começo arrasador, com gol nos primeiros dez minutos de partida, sofreu um apagão na etapa final e foi derrotada pelo Nova Iguaçu por 2 a 1 dentro de casa. A partida foi válida pela terceira rodada da competição.

A Cabofriense começou com um ímpeto arrasador e partiu para cima dos visitantes desde os primeiros minutos de jogo. Tanto que, aos 10, o meia An­derson Kunzel foi agarrado dentro da área. Pênalti converti­do pelo atacante Jonathan, ago­ra artilheiro da equipe na com­petição com dois gols.

Mesmo com o placar favo­rável, a Cabofriense tomava a iniciativa da partida com o quarteto ofensivo formado por Kunzel, Alex Faria, Maciel e Jonathan. O Nova Iguaçu não conseguia tramar as jogadas de ofensiva e contava com uma tarde pouco inspirada dos seus atacantes.

Wescley decide – O Nova Iguaçu voltou com uma postu­ra diferente para a etapa final. A entrada do meia Wescley vi­ria a mudar os rumos da par­tida. Após chegadas perigo­sas, Gláuber tratou de deixar o placar igual. O atacante apro­veitou sobra na área para em­purrar para o fundo da rede do goleiro Cetim.

O empate deu um ânimo ex­tra para os visitantes, que con­tinuaram pressionando a Ca­bofriense. Aos 29 do segundo tempo, Wescley fez um belíssi­mo gol olímpico e deu números finais à partida. Em seguida, o meia arriscou boa jogada indi­vidual e acertou chute cruzado perigoso.

A Cabofriense ainda ensaiou uma pressão nos minutos finais, mas não conseguiu fazer ne­nhum gol.