terça, 27 de fevereiro de 2024
terça, 27 de fevereiro de 2024
Cabo Frio
24°C
park logs
Park Lagos mobile
MUDANÇAS

Turismo além do verão: Cabo Frio busca diversificação de atividades para atrair novos visitantes

Para isso, Convention anunciou novidades e debates em busca de soluções para problemas de infraestrutura

06 abril 2023 - 15h51Por Cristiane Zotich
Turismo além do verão: Cabo Frio busca diversificação de atividades para atrair novos visitantes

Com o fim da alta temporada, Cabo Frio vive, agora, o que o trade turístico chama de “melhor temporada”, período que compreende os meses de março a novembro. Com praias paradisíacas, rica história e cultura, além de uma gastronomia cada vez mais forte e diversificada, entidades ligadas ao turismo estão trabalhando para fazer com que o município se firme como um destino fora do verão. Porém, apesar do grande potencial, a cidade enfrenta desafios para manter a qualidade dos serviços e atrair visitantes durante todo o ano, como a falta de infraestrutura, com ruas esburacadas e pontos turísticos abandonados.

Em meio a esse cenário, a presidente do Cabo Frio Convention & Visitors Bureau, Maria Inês Oliveiros, informou à Folha que vem buscando mudar este cenário junto ao governo municipal, e anunciou a volta de um evento tradicional muito aguardado pela população, trazendo boas perspectivas para o futuro do turismo na cidade.

O lançamento da chamada “melhor temporada” aconteceu no último fim de semana de forma virtual, nas redes sociais. Maria Inês explicou que o nome da estação foi inspirado em uma série de fatores que facilitariam a vida de quem quer conhecer Cabo Frio.

- Com a diminuição no movimento de turistas, o trânsito flui melhor (nas ruas e estradas de acesso), as praias ganham espaço de sobra e as atividades de lazer e esportivas convidam a explorar cantinhos escondidos e encantadores. Quem pode visitar Cabo Frio nas outras estações do ano, fora do verão, encontra uma cidade aconchegante e bem diferente da alta temporada, quando o destino está com sua lotação máxima - revelou.

Maria Inês OliverosEssa questão de fomentar o turismo fora do verão, no entanto, não é nenhuma novidade, e vem sendo debatida há anos. Mas a presidente do Convention conta que, oficialmente, a entidade deu início aos trabalhos relacionados à melhor temporada somente em 2021, “até mesmo por conta da pandemia”.

- Era uma maneira de incentivar as viagens para destinos de natureza e, em especial, fora dos períodos em que a cidade fica cheia. Percebemos que o home office acabou criando essa possibilidade, com as pessoas viajando ao longo do ano e não somente em férias e feriados. Este novo “hábito” acabou mostrando e reforçando as vantagens de se viajar na melhor temporada. Então percebemos que era hora de fazermos uma campanha mais robusta, envolvendo trade, população e visitantes, como estamos fazendo agora - explicou.

Para os meses de março a novembro, o trade turístico tem como objetivo atrair um novo tipo de público para Cabo Frio, “que não deixe sujeira na praia, que não leve caixas de som, que respeite as regras”. Maria Inês lembra que este é um público formado por visitantes que apreciam as atrações naturais da cidade (que vão além das praias) e culturais, que praticam esportes e que prestigiam a gastronomia, o comércio e os serviços. Para isso, pensar em um calendário de eventos diferenciado é fundamental.

- A Prefeitura divulgou um calendário no fim do ano passado, criado em conjunto com o trade turístico. Nele, temos atividades culturais, gastronômicas e esportivas como o Rei e Rainha do Mar, que aconteceu agora em março; o Festival de Inverno, em julho; os festivais Sabores e Internacional de Dança, em setembro, além de competições de canoa havaiana, triathlon e corrida, entre outros. São eventos que atraem esportistas, famílias, casais, grupos, e que chegam para prestigiar a cidade - lembrou Maria Inês, que anunciou também, o retorno de um evento tradicional: a Festa Portuguesa, que está confirmada para acontecer entre os dias 3 e 11 de junho.

Mas esta não é a única novidade. A Presidente do Cabo Frio Convention contou que o trade está se articulando para criar um novo produto turístico para a cidade: o Destination Wedding, também chamado de “Casamento na Praia”.

- Já temos um Projeto de Lei aprovado pela Câmara de Vereadores para a realização de casamentos nas praias de Cabo Frio. Aguardamos, em breve, a sanção pelo prefeito. O Destination Wedding já vem sendo trabalhado há um bom tempo pelo Convention, uma vez que oferecemos, também, espaços privados perfeitos para cerimônias, além de empresas e profissionais especializados e qualificados no assunto - contou.

Mas, para conseguir atrair esse público mais selecionado, o trade encontra uma séria barreira que vem afetando moradores e  turistas: a falta de infraestrutura na cidade, que acumula problemas de iluminação pública, flanelinhas e ruas esburacadas, entre outros. Sobre isso, Maria Inês contou à Folha que, através do Conselho Municipal de Turismo, o trade leva ao poder público todas essas demandas, e também sugestões para solucionar as questões.

- Nossa campanha da melhor temporada irá englobar o poder público como um todo, através de diversas secretarias e órgãos como limpeza, segurança, ordem pública, obras... Não contaremos com o apoio somente da Secretaria de Turismo. Vamos contar com todos nesse projeto que visa, também, ajudar a organizar a cidade, conscientizando a população das regras que devem ser seguidas por todos. Uma cidade boa para o turista tem que ser, em primeiro lugar, boa para o morador - revelou.

Sobre o abandono dos prédios históricos culturais, Maria Inês disse que o trade chegou a debater essa questão nos primeiros encontros com a nova secretária de Turismo, Paula Pinheiro.

- Ela nos informou que a reforma dos prédios históricos está entre as prioridades da pasta. Mas seguiremos cobrando e, também, divulgando nossos outros equipamentos culturais e históricos excelentes e preparados para receber os visitantes, como Museu de Arte Religiosa e Tradicional (Mart) e o Museu do Surfe, além da Casa Scliar - explicou.