Assine Já
terça, 20 de abril de 2021
Região dos Lagos
26ºmax
19ºmin
Tropical
http://www.alerj.rj.gov.br/
TEMPO REAL Confirmados: 34054 Óbitos: 1273
Confirmados Óbitos
Araruama 8675 279
Armação dos Búzios 4115 54
Arraial do Cabo 1200 64
Cabo Frio 9216 453
Iguaba Grande 3308 82
São Pedro da Aldeia 4728 188
Saquarema 2812 153
Últimas notícias sobre a COVID-19
empréstimo

Votação do empréstimo em Arraial está marcada para esta quinta (26), feriado de Corpus Christi

Ocupantes do plenário da Câmara prometem ficar no local até a hora da sessão extraordinária

25 maio 2016 - 10h19Por Rodrigo Branco
Votação do empréstimo em Arraial está marcada para esta quinta (26), feriado de Corpus Christi

Ficou para esta quinta-feira (26), feriado de Corpus Christi, a votação na Câmara de Arraial do pedido de autorização de empréstimo de R$ 19 milhões feito pelo prefeito Wanderson Cardoso de Brito, o Andinho (PMDB). A mensagem retorna à Casa em sessão extraordinária convocada pelo presidente Luciano Farias de Aguiar, o Luciano Tequinho (PPS). No entanto, manifestantes que desde a sessão interrompida desta terça (24), ocupam o plenário da Câmara prometem impedir que a matéria, colocada em regime de urgência por iniciativa do líder do governo, Walter Cardoso Félix, Júnior, o Júnior Piolho (PSD), seja aprovada.

Assim como já tinha acontecido em Cabo Frio no início do mês, manifestantes contrários ao empréstimo ocuparam o plenário aos gritos de ‘não vai ter golpe’, sob os olhares atônitos dos vereadores. O clima ficou tenso no local. A Guarda Municipal e a Polícia Militar foram chamadas, mas não foram registrados incidentes mais graves. Integrantes do Sindicato dos Profissionais da Educação (Sepe) e da Associação dos Estudantes Secundaristas do Estado do Rio (Aerj) também participaram do protesto.

A lotação do acanhado espaço já era esperada, uma vez que tão logo circulou a notícia de que o projeto de lei nº 023/2016 entraria na pauta, a mobilização foi grande nas redes sociais. Durante o dia, os ocupantes levaram colchonetes e outros artigos pessoais anunciando que passariam a noite no local, se fosse necessário, para impedir a votação.

Para o vereador oposicionista Ayron Freixo (PRB), não há justificativa para contrair a dívida próximo ao fim do mandato.

– Meu voto é contra porque esse empréstimo não teve planejamento, cronograma, audiência pública e comprometimento – afirma o parlamentar .
A reportagem tentou entrar em contato com Luciano Tequinho e com o líder do governo, Júnior Piolho (PSD), para comentar o assunto, mas não obteve sucesso.

A tentativa de empréstimo para reposição das perdas na arrecadação com royalties do petróleo está previsto pela Resolução nº 02/2015, do Senado Federal (Lei Crivella), a mesma na qual se apoia o prefeito de Cabo Frio, Alair Corrêa (PP), para tentar obter até R$ 200 milhões. Arraial pleiteia o dinheiro por meio da linha de crédito BB Financiamento Setor Público - Recursos Próprios.

Leia também:

Votação de empréstimo em Arraial promete muita polêmica na Câmara