Assine Já
sábado, 04 de julho de 2020
Região dos Lagos
23ºmax
16ºmin
TEMPO REAL Suspeitos: 325 Confirmados: 2996 Óbitos: 179
Suspeitos: 325 Confirmados: 2996 Óbitos: 179
Suspeitos:
Confirmados:
Óbitos:
Suspeitos Confirmados Óbitos
Araruama 260 584 40
Armação dos Búzios X 250 6
Arraial do Cabo 11 73 11
Cabo Frio X 943 58
Iguaba Grande 13 207 20
São Pedro da Aldeia 24 455 16
Saquarema 17 484 28
Últimas notícias sobre a COVID-19
empréstimo

Votação do empréstimo em Arraial está marcada para esta quinta (26), feriado de Corpus Christi

Ocupantes do plenário da Câmara prometem ficar no local até a hora da sessão extraordinária

25 maio 2016 - 10h19Por Rodrigo Branco
Votação do empréstimo em Arraial está marcada para esta quinta (26), feriado de Corpus Christi

Ficou para esta quinta-feira (26), feriado de Corpus Christi, a votação na Câmara de Arraial do pedido de autorização de empréstimo de R$ 19 milhões feito pelo prefeito Wanderson Cardoso de Brito, o Andinho (PMDB). A mensagem retorna à Casa em sessão extraordinária convocada pelo presidente Luciano Farias de Aguiar, o Luciano Tequinho (PPS). No entanto, manifestantes que desde a sessão interrompida desta terça (24), ocupam o plenário da Câmara prometem impedir que a matéria, colocada em regime de urgência por iniciativa do líder do governo, Walter Cardoso Félix, Júnior, o Júnior Piolho (PSD), seja aprovada.

Assim como já tinha acontecido em Cabo Frio no início do mês, manifestantes contrários ao empréstimo ocuparam o plenário aos gritos de ‘não vai ter golpe’, sob os olhares atônitos dos vereadores. O clima ficou tenso no local. A Guarda Municipal e a Polícia Militar foram chamadas, mas não foram registrados incidentes mais graves. Integrantes do Sindicato dos Profissionais da Educação (Sepe) e da Associação dos Estudantes Secundaristas do Estado do Rio (Aerj) também participaram do protesto.

A lotação do acanhado espaço já era esperada, uma vez que tão logo circulou a notícia de que o projeto de lei nº 023/2016 entraria na pauta, a mobilização foi grande nas redes sociais. Durante o dia, os ocupantes levaram colchonetes e outros artigos pessoais anunciando que passariam a noite no local, se fosse necessário, para impedir a votação.

Para o vereador oposicionista Ayron Freixo (PRB), não há justificativa para contrair a dívida próximo ao fim do mandato.

– Meu voto é contra porque esse empréstimo não teve planejamento, cronograma, audiência pública e comprometimento – afirma o parlamentar .
A reportagem tentou entrar em contato com Luciano Tequinho e com o líder do governo, Júnior Piolho (PSD), para comentar o assunto, mas não obteve sucesso.

A tentativa de empréstimo para reposição das perdas na arrecadação com royalties do petróleo está previsto pela Resolução nº 02/2015, do Senado Federal (Lei Crivella), a mesma na qual se apoia o prefeito de Cabo Frio, Alair Corrêa (PP), para tentar obter até R$ 200 milhões. Arraial pleiteia o dinheiro por meio da linha de crédito BB Financiamento Setor Público - Recursos Próprios.

Leia também:

Votação de empréstimo em Arraial promete muita polêmica na Câmara