Assine Já
sábado, 19 de setembro de 2020
Região dos Lagos
31ºmax
19ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7728 Óbitos: 407
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 468 10
Arraial do Cabo 215 13
Cabo Frio 2528 136
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1213 50
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Câmara

Vereador Aquiles Barreto (SD) recebe mensagens e ligações de ameaça

Relato aconteceu na Câmara durante a sessão desta quinta-feira (8)

09 outubro 2015 - 11h20

“Toma cuidado”, “Olha por onde você anda”, “Pode chutar a canela, mas no saco tem volta”. Essas foram algumas das ame­aças recebidas e relatadas pelo vereador Aquiles Barreto (SD), ontem, ao usar a tribuna da Câ­mara durante sessão tensa que vetou o requerimento da Córre­go Rico. No discurso, Aquiles afirmou ainda que tem recebido mensagens e ligações anônimas de números desconhecidos. Ao final, solicitou ao presidente da Câmara e filho do prefeito, Mar­cello Corrêa, que ficasse regis­trado em ata o ocorrido.

O relato deixou tanto a plená­ria quanto a assistência em si­lêncio e provocou manifestações de apoio dos demais vereadores, como Paulo Henrique Corrêa e Vinícius Corrêa, ambos do Parti­do Progressista, Celso Campista (PSB) e de Luis Geraldo (PPS).

– Antes de ser vereador Aqui­les é meu amigo e não podemos chegar a este ponto. Algumas destas ameaças foram explícitas. A forma de tirar algum político de combate é com voto e não com bala – defendeu Luis Geraldo.

–Quero, antes de encerrar meu discurso de hoje nes­ta Casa, senhor presidente, informar que venho rece­bendo ameaças por diver­sos meios, então quero dizer que devemos separar a vida pessoal da vida política. Não tenho medo do meu passado, de blogs, de blogueiro algum. Se querem fazer guerra vou trazer nú­meros, fatos, dados e não denegrir a imagem de ninguém. Suplente que quer pegar a cadeira de vereador vai para urna e coloca 2.450 votos como eu coloquei na eleição, em 2012. De­negrir imagem para assumir uma cadeira? Ouça o conselho dos mais velhos, dos mais experientes. Quero, senhor presidente, que fique regis­trado em ata para que a integrida­de física de nenhum vereador seja colocada em risco. Temos dois casos semelhantes na cidade: Russo e Ai­res Bessa, que até hoje não teve nada de explicação e a polícia não disse nem um ‘ai’” – afirmou Aquiles.