Assine Já
quinta, 21 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
29ºmax
22ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 21341 Óbitos: 711
Confirmados Óbitos
Araruama 5363 160
Armação dos Búzios 2875 30
Arraial do Cabo 651 33
Cabo Frio 5750 231
Iguaba Grande 1988 50
São Pedro da Aldeia 3048 106
Saquarema 1666 101
Últimas notícias sobre a COVID-19
Política

‘Sou plano A, B e C para 2020’, diz Andinho sobre candidatura em Arraial do Cabo

Ex-prefeito afirma que vai recorrer de decisão que o torna inelegível

28 março 2019 - 09h43
‘Sou plano A, B e C para 2020’, diz Andinho sobre candidatura em Arraial do Cabo

Apesar da recente derrota na Justiça que negou rever a decisão do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ) que reprovou suas contas de 2016, o ex-prefeito de Arraial do Cabo Wanderson Cardoso de Brito (MDB) insiste que será candidato a prefeito no ano que vem.

Andinho afirmou que seus advogados foram notificados no último dia 12 e já preparam recurso ao Tribunal de Justiça (TJ-RJ) da sentença judicial proferida em 17 de fevereiro que, inclusive, o obriga a pagar R$ 2,5 mil de honorários advocatícios.

Questionado se já conversa sobre opções para o pleito do ano que vem contra o atual prefeito Renatinho Vianna (PRB) e, possivelmente, Henrique Melman (PDT), o ex-prefeito, que foi obrigado a se afastar do cargo pela Justiça Eleitoral em 2016 por abuso de poder político, descarta qualquer nome que não o dele para representar o seu grupo político nas urnas.

– Não tem plano A, B, C ou D. Sou candidato e tenho certeza que, em breve, poderemos acalmar os ânimos da oposição – disse Andinho que afirma estar em plena conversa com várias lideranças da cidade.

O ex-prefeito, que governou a cidade entre 2009 e 2016, defende a tese de que não teve direito a ampla defesa para as contas do último ano do seu segundo mandato.

– Não fui intimado pessoalmente para isso. Por isso que estamos questionando a falta do direito universal de defesa como todas as minhas contas tiveram – argumentou Andinho, que não jogou pesado contra os vereadores, que confirmaram o parecer do TCE no ano passado.

– A gente sabe que a maioria deles é ligada ao governo – contemporizou.

Prefeito em Brasília

Enquanto o principal adversário político tenta viabilizar-se eleitoralmente para o ano que vem, o prefeito Renatinho Vianna cumpre extensa agenda em Brasília. Se na terça, Renatinho buscou aliados na tentativa de, enfim, desembargar o Porto do Forno, ontem o prefeito cabista dedicou-se a buscar recursos para a Saúde do município na Esplanada dos Ministérios, junto com o secretário Antonio Carlos Kafuru.

– A luta continua por aqui. Apesar de muitos fazerem uma oposição inescrupulosa, incoerente e irresponsável estamos aqui trabalhando, defendo os interesses de Arraial do Cabo. Politicagem nessa hora não cabe. Recado para o vereador de oposição – disse em vídeo gravado na Capital Federal.

A mensagem foi para o vereador Ton Porto (PC do B), que fez um vídeo mais cedo criticando a estrutura e o atendimento do Hospital Geral da cidade.