Assine Já
sábado, 05 de dezembro de 2020
Região dos Lagos
26ºmax
21ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 13221 Óbitos: 567
Confirmados Óbitos
Araruama 2625 126
Armação dos Búzios 1500 22
Arraial do Cabo 427 21
Cabo Frio 3925 183
Iguaba Grande 1197 41
São Pedro da Aldeia 2010 79
Saquarema 1537 95
Últimas notícias sobre a COVID-19
Pezão

Pezão é diagnosticado com linfoma não-Hodgkin

Governador vai se afastar por uma semana para começar a tratar doença, que é um câncer no sistema de defesa do organismo

24 março 2016 - 13h12
Pezão é diagnosticado com linfoma não-Hodgkin

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, está com linfoma não-Hodgkin, segundo o resultado dos exames feitos no Hospital Pró-Cardíaco, em Botafogo, Zona Sul do Rio e divulgados no começo da tarde desta quinta-feira (24). O anúncio foi feito durante coletiva com o próprio governador e a equipe médica responsável pelo seu tratamento. O linfoma não-Hodgkin é um tipo de câncer no sistema linfático que afeta o sistema de defesa do organismo. A doença é a mesma que acometeu a presidente Dilma Rousseff e o ator Reynaldo Gianechini. O governador se internou para exames de rotina no último dia 12, mas acabou internado após os médicos notarem alteração em uma de suas vértebras. 

O governo estadual chegou a emitir notas com atualizações sobre o estado de saúde de Pezão, que chegou a ser diagnosticado com sinusite assim que chegou ao hospital. Dias depois, foi informado que o governador se recuperava de 'um quadro infeccioso, mas tinha quadro clínico bom'. A informação oficial é de que Pezão começará a quimoterapia imediatamente e se afastará do cargo por uma semana, durante a qual será substituído pelo vice, Francisco Dornelles, que já vem despachando no gabinete do Palácio Guanabara. Segundo o governo, depois desse período, Pezão continuará a se submeter ao tratamento, mas trabalhando normalmente, uma vez que não haverá necessidade de internação.