Assine Já
sábado, 26 de setembro de 2020
Região dos Lagos
29ºmax
19ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 8076 Óbitos: 418
Confirmados Óbitos
Araruama 1625 102
Armação dos Búzios 483 10
Arraial do Cabo 242 15
Cabo Frio 2555 140
Iguaba Grande 671 36
São Pedro da Aldeia 1323 51
Saquarema 1177 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Marcela Temer

Movimento "bela, recatada e do lar" ganha a internet

Perfil supostamente traçado como ‘ideal’ da mulher de vice-presidente em matéria de revista rende polêmica

22 abril 2016 - 11h30Por Rodrigo Branco
Movimento "bela, recatada e do lar" ganha a internet

‘PERFEIÇÃO’ – Suposta idealização do comportamento feminino irritou mulheres (Reprodução)

Não bastassem as polêmicas e conspirações nos bastidores de Brasília, o cenário político ganhou ares de coluna social, com direito a acusações de machismo. Uma matéria publicada na revista ‘Veja’ desta semana traz um perfil da mulher do vice-presidente Michel Temer, Marcela Temer. Com o título de ‘Bela, recatada e do lar’, a reportagem traz detalhes da vida do casal e características do temperamento de Marcela, o que foi visto por muitas mulheres como uma tentativa de associar a ideia de ‘mulher ideal’ a um suposto conceito de ‘bem comportada’.

Foi o suficiente para que as redes sociais fossem inundadas de pesadas críticas à revista e de uma série de fotos e memes de mulheres em poses debochadas para ironizá-la. Outras montagens faziam trocadilhos com o título da matéria usando fotos do presidente da Câmara, Eduardo Cunha, com sua mulher, a jornalista Cláudia Cruz. Mas pela forte reação, é possível concluir que a maior parte das mulheres não achou a menor graça no episódio.

– Pela manchete fica parecendo que o que se espera de uma primeira dama é que ela seja só bonita, fique quieta e não se preocupe em buscar uma vida. Mas esquecem que já não pudemos frequentar faculdade, votar e trabalhar em determinados ramos. Coisas que começaram a ser conquistadas antes da geração da minha avó – pondera a produtora cultural Virgínia Carvalho.

A jornalista e colunista da Folha Keetherine Giovanessa concorda com Virgínia e lamenta a busca pela a idealização do comportamento feminino. Ela desconfia ainda que houve interesse comercial na divulgação da reportagem.

– Na minha opinião, trata-se de uma matéria ‘plantada’. Ninguém é perfeito. E tentar mostrar perfeição com ‘linda, recatada e do lar’ está ultrapassado. Parecia que eu estava lendo algum conto de fadas e, sabemos, que na realidade as coisas não são tão perfeitas assim. Mas se ela está feliz com essa imagem, cada um faz o que quer da vida. Muitas mulheres que conheço não são recatadas, nem do lar e são pessoas incríveis. Todas têm o seu valor – justifica Keetherine.

Outra polêmica explorada na matéria foi a diferença de idade entre o vice-presidente e Marcela, que é de 43 anos. Ele tem 75 anos e ela, 32.

Veja abaixo alguns dos memes (montagens) surgidas na internet a partir da reportagem: