Assine Já
domingo, 26 de setembro de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 51256 Óbitos: 2089
Confirmados Óbitos
Araruama 12211 437
Armação dos Búzios 6305 64
Arraial do Cabo 1689 90
Cabo Frio 14244 839
Iguaba Grande 5384 138
São Pedro da Aldeia 6892 286
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
Câmara

Marcello Corrêa (PP) contesta vereadores

Presidente da Câmara afirma que precisa de numeração da Procuradoria para promulgar leis

05 novembro 2015 - 09h43

O presidente da Câmara Mu­nicipal, Marcello Corrêa (PP), rebateu ontem as reclamações de seus colegas; em especial, do ve­reador Celso Campista (PSB), de que não tem promulgado as leis aprovadas na Casa no prazo re­gimental de 48 horas. O fato foi repercutido na seção ‘Mandou Mal’ do quadro Painel Câmara.

Ciente da prerrogativa regi­mental que o obriga a promulgar matérias que não foram sancio­nadas pelo prefeito Alair Cor­rêa (PP), Marcello afirmou que ‘promulgaria todas as leis que pudesse, mas que para promul­gar é necessário que os números sejam enviados pela Procurado­ria da prefeitura’.

– Para promulgar um proje­to de lei é necessário o número. Ressalto que já foi solicitado ao doutor (procurador-geral José Rosival) Campos que enviasse todos os números dos projetos. Garanto que assim que os núme­ros chegarem a promulgarei, se­guindo assim o Regimento Inter­no e a Lei Orgânica – prometeu o chefe do Legislativo cabofriense.

Procurado pela Folha, José Rosival Campos concordou, em parte, com as argumentações de Marcello Corrêa. De acordo com o procurador-geral do município, muitas matérias não foram nume­radas por problemas na redação dos textos ou falta de adequação à legislação vigente.

 

*Leia a matéria completa na edição impressa desta quinta-feira (5)