Assine Já
sexta, 18 de junho de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 42971 Óbitos: 1659
Confirmados Óbitos
Araruama 10577 334
Armação dos Búzios 5176 57
Arraial do Cabo 1486 82
Cabo Frio 11408 615
Iguaba Grande 4427 107
São Pedro da Aldeia 5868 254
Saquarema 4029 210
Últimas notícias sobre a COVID-19
Política

Fora do ar por tempo indeterminado

Edital para escolha da empresa que atuará na Câmara está emperrado no TCE

21 julho 2015 - 09h36

Ao que tudo indica, ainda vai demorar para que o público cabofriense volta a acompanhar ao vivo, pela televisão, as sessões da Câmara Municipal de Cabo Frio. Sucesso de público desde que foram transferidos para o período da manhã, em março, por determinação do presidente da Casa, Marcello Corrêa (PP), os trabalhos legislativos ainda podem ser acompanhados à distância pelo público, mas apenas depois do encerramento das sessões.
Detentora do antigo contrato, vencido no fim de 2014, a Agência de Publicidade, empresa à qual a Jovem TV, que fazia as transmissões em tempo real, é ligada continua fazendo as gravações, contudo, sem qualquer vínculo formal com a Câmara. No momento, os debates, discussões e votações, muitas vezes acaloradas, estão sendo veiculados, na íntegra, pela emissora, às terças e quintas-feiras, depois das sessões, às 13h.

O problema é a morosidade do processo de licitação, aberto desde o início do ano. Como a primeira tentativa de escolha foi impugnada antes mesmo da abertura dos envelopes, por parte de uma empresa de Florianópolis-SC, sob a alegação de que o valor oferecido em contrato (R$ 12 mil) era muito baixo para a operação, um novo edital foi elaborado e agora está sob análise dos conselheiros do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ). Até o momento, no entanto, não há previsão de um parecer do órgão.

 

*Leia a matéria completa na edição impressa desta terça-feira (21)