Assine Já
quinta, 02 de julho de 2020
Região dos Lagos
24ºmax
16ºmin
TEMPO REAL Suspeitos: 319 Confirmados: 2909 Óbitos: 177
Suspeitos: 319 Confirmados: 2909 Óbitos: 177
Suspeitos:
Confirmados:
Óbitos:
Suspeitos Confirmados Óbitos
Araruama 268 582 40
Armação dos Búzios X 243 5
Arraial do Cabo 11 73 11
Cabo Frio X 903 58
Iguaba Grande 13 207 20
São Pedro da Aldeia 18 435 15
Saquarema 9 466 28
Últimas notícias sobre a COVID-19
Política

Energia pode gerar incentivos

Sol e vento da região são objeto de proposta para atrair recursos

31 julho 2015 - 09h28

Nicia Carvalho

 

Numa sessão com pauta ex­tensa, porém sem peso, e com grande número de vereadores faltosos (foram sete), pode-se dizer que os trabalhos ontem se dividiram na aprovação pela Comissão de Redação Final de diversos projetos de lei de 2013 e 2014, como o PL 171, do ve­reador Adriano Moreno (PP), que prevê incentivos fiscais para que indústrias do setor de ener­gia solar e eólica se instalem em Cabo Frio, além de proposta para subvenção para associações de moradores, do vereador Cel­so Campista (PSB).

– É importante implantar este projeto o mais rapidamente devi­do à forte crise nacional. Temos vento e sol o ano inteiro. Então, é uma forma de fomentar econo­mia e gerar empregos. Se tivesse sido feito quando apresentei, em 2013, não teríamos os proble­mas atuais, inclusive a prefeitura não teria sofrido com corte de luz – opinou Adriano, durante discurso de agradecimento pelo parecer favorável.

Além deste, a Comissão de Redação Final deu parecer favo­rável em mais 12 projetos, dos quais oito são de 2014 e dois de 2013, entre eles o de energia limpa e contingenciamento or­çamentário para as associações.

A regulamentação para entra­da de ônibus de turismo e excur­sões na cidade, principalmente no Centro, também recebeu pa­recer favorável da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Entre outras providências, o pro­jeto prevê que os ônibus fiquem estacionados no terminal próprio e o traslado de passageiros seja feito por van ou microônibus.

Atração à parte – Apesar da pauta sem grandes destaques, o intenso bate-papo entre os ve­readores Paulo Henrique, (PP), Jefferson Vidal (PSC) e Rodolfo Aguiar (PPS) em pleno anda­mento de sessão também chamou atenção. A postura dos edis fez com que a assistência reclamas­se bastante. A conversa paralela, somada à queixa dos presentes, fez, inclusive, com que o presi­dente Marcello Corrêa (PP) cha­masse atenção dos vereadores.