Assine Já
domingo, 20 de setembro de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7728 Óbitos: 407
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 468 10
Arraial do Cabo 215 13
Cabo Frio 2528 136
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1213 50
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Vice

Em alta, Dudu de Nardinho é cobiçado por grupos embora reafirme candidatura

Conversas por vices agitam bastidores da Câmara

18 agosto 2015 - 17h29

RODRIGO BRANCO

 

Que o cabista gosta de po­lítica, isso não é novidade. Portanto, faltando pouco mais de um ano para que os eleito­res do antigo distrito de Cabo Frio voltem às urnas e com as principais pré-candidaturas já lançadas, a cidade já vive uma espécie de clima anteci­pado de campanha, tanto por meio das sondagens das reais possibilidades dos postulan­tes à cadeira do prefeito Wa­nderson Cardoso, o Andinho (PMDB), como para as arti­culações visando a formação das nominatas (lista de candi­datos) a vereador.

Um capítulo à parte, no en­tanto, é a escolha dos futuros companheiros de chapa dos seis pré-candidatos já anun­ciados: o secretário de Gover­no, Walter Lúcio Tê (PMDB); o vereador Renatinho Vianna (Pros), o ex-prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT); o vice-prefeito Reginaldo Mendes (PT); o ex-vereador Eduardo Andrade, o Dudu de Nardinho (PP) e o empresário Fabrício Fagundes, o Cacau.

Considerado um nome bem visto em todos os segmentos, Dudu, recém-saído do PDT, é visto como o ‘vice ideal’ e, apesar de dizer que manterá a pré-candidatura até o final, é frequentemente lembrado para compor a chapa com Renatinho. Uma aproxima­ção não seria inviável pois, segundo informações de bas­tidores, já houve conversas nesse sentido. A proximida­de de ambos com o prefeito de Cabo Frio, Alair Corrêa, de quem Renatinho é afilha­do e filiado ao mesmo PP de Dudu, também é visto como um fator de afinidade.

Além de Dudu, outras fi­guras bem cotadas para com­por com algum dos futuros cabeças de chapa são do ex-secretário de Fazenda na ges­tão Henrique Melman (2001-2008), Sérgio Fernandes, e o atual ocupante da pasta, José Antônio Simas, o Zezé.

Preterido como candidato da situação, Zezé é tido como opção no PDT, em função de ter boa aceitação junto à po­pulação cabista, mesmo entre os que rejeitam o Governo. Já Sérgio Fernandes, egresso das hostes pedetistas e consi­derado um nome considerado mais técnico do que político, pode ser o ‘plano B’, caso a união com Dudu não avance.

Nesse sentido, quem pa­rece estar mais avançado na formação das nominatas e na escolha do companheiro de chapa é Tê. Enquanto as mo­vimentações indicam a inten­ção de fazer, ao menos, seis vereadores governistas, pelo chamado ‘chapão’, rumores dão conta que, hoje, são duas as maiores possibilidades para possível vice: o empre­sário off-shore Marcelo Mag­no, irmão do vereador Thiago Félix, o Thiago Fantinha, e o servidor municipal licenciado Cacá, de grande popularidade na Praia dosAnjos, tida como importante reduto eleitoral.