sábado, 25 de maio de 2024
sábado, 25 de maio de 2024
Cabo Frio
24°C
Park lagos
Park Lagos 2
CABO FRIO

Após seis anos, Ginásio Alfredo Barreto segue parcialmente interditado

Segundo a Prefeitura, minuta para o edital de troca do telhado está em andamento, mas sem previsão para início dos trabalhos

30 março 2023 - 15h00Por Cristiane Zotich
Após seis anos, Ginásio Alfredo Barreto segue parcialmente interditado

Inaugurado em dezembro de 2004 e interditado em setembro de 2017, o Ginásio Poliesportivo Alfredo Barreto, no bairro Itajuru, em Cabo Frio, continua parcialmente fechado e sem previsão de reabertura da quadra. Palco de grandes eventos esportivos e culturais, o espaço já recebeu mais de quatro mil pessoas nos jogos das seleções brasileiras de futsal, em 2005 e 2014, e de vôlei, em 2006 e 2013. Também recebeu inúmeras competições esportivas de alcance mundial, como o Festival Internacional de Dança. Mas há anos sofre com o abandono do poder público e com problemas de estrutura do telhado, que fazem com que a quadra permaneça fechada há seis anos.

Em agosto de 2018, durante a gestão do ex-prefeito Adriano Moreno, uma comitiva chegou a ser formada pelos então secretários de Obras, José Bulcão da Silveira Filho, de Desenvolvimento da Cidade, Felipe Araújo, e o presidente da Comsercaf, Luiz Claudio Gama, além de funcionários das respectivas pastas. Na ocasião, um engenheiro calculista também esteve no local para uma análise preliminar e um laudo, que seria elaborado para criação de um projeto para a aplicação de uma escora de sustentação no telhado da quadra. Desde então, nada aconteceu. No último dia 27, a Folha chegou a receber denúncias de que o espaço teria sido invadido, e que os invasores teriam furtado fios elétricos e incendiado parte do prédio. Nas imagens é possível ver fogo e uma fumaça preta vindo de dentro do espaço.

fogo ginasio 2

À Folha, o governo municipal informou que existe em andamento um processo para troca de todo telhado do Ginásio Poliesportivo Alfredo Barreto. Explicou ainda que a Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer já teria encaminhado memorando à Secretaria Municipal de Obras solicitando levantamento técnico para saber qual a possibilidade de revitalização de todo o complexo poliesportivo Aracy Machado, onde fica o ginásio que leva nome do professor e ex-vereador Alfredo Barreto.

A interdição de setembro de 2017 foi reforçada em setembro do ano passado, quando a Defesa Civil recebeu alerta de fortes chuvas e ventos que poderiam causar acidentes graves aos frequentadores do espaço. Desde então só estão liberados para uso o hall de entrada (abrangendo academia e áreas para práticas de algumas modalidades de atividades físicas) e a área externa.

GINÁSIO VIVALDO BARRETO TAMBÉM ESPERA POR REFORMA

Conforme a Folha dos Lagos adiantou na última edição, além do Alfredo Barreto, o ginásio Vivaldo Barreto, no Jardim Esperança, também segue com problemas estruturais, mas neste caso a solução parece estar mais próxima. Inaugurado em 2010, e fechado em 2015, o processo de licitação, no valor de R$ 1.098.052,19, está em andamento desde o último dia 28 de fevereiro.

Entre as melhorias previstas estão a instalação de nova cobertura; novos revestimentos nas paredes; pisos antiderrapantes; forros de PVC; portão de chapa de ferro galvanizado; refletores para iluminação de quadras de esportes e afins; luminárias de emergência; chuveiro elétrico em plástico; instalação e assentamento de lavatórios de uma torneira; instalação e assentamento de vaso sanitário com caixa acoplada; instalação e assentamento de mictórios, pintura entre outros. O processo de licitação, segundo a prefeitura, “encontra-se em fase de análise de recurso”.

Já o Ginásio Poliesportivo João Augusto Teixeira Silva, em Tamoios, segue funcionando plenamente. De acordo com o governo municipal, além de aulas de iniciação esportiva em diversas modalidades, o espaço também oferece aulas de zumba, ginástica artística, acrobática e rítmica, futsal, vôlei, jiu-jitsu, ginástica para melhor idade e dança de salão, além de atividades culturais voltadas para a melhor idade e atendimento à comunidade do segundo distrito de Cabo Frio.

Sem os outros dois espaços, a prefeitura informou que o projeto "Cabo Frio Esporte e Lazer Sem Limites", que atende crianças, jovens e adolescentes até 18 anos incompletos, está passando por uma reformulação. Atualmente, há aulas de futebol no estádio Correão e no campo do Complexo Esportivo Aracy Machado, no Itajuru, onde também são realizadas diversas modalidades de artes marciais, xadrez e tênis de mesa. Já as atividades para os adultos, a partir de 18 anos, são realizadas no Aracy Machado, Correão e área externa do Ginásio Vivaldo Barreto, com aulas de musculação, treinamento funcional, pilates, alongamento, zumba e diversas modalidades de artes marciais. Atualmente os equipamentos esportivos municipais atendem a uma média de mil pessoas inscritas.