Assine Já
domingo, 08 de dezembro de 2019
Região dos Lagos
26ºmax
18ºmin
Apartamento
AP REC BANNER
alair correa

Alair Corrêa e Marquinho estão na lista negra do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro

Eles estão os 1.051 gestores públicos que tiveram suas contas julgadas irregulares nos últimos oito anos

10 junho 2014 - 00h33

O prefeito de Cabo Frio, Alair Corrêa (PP), e o ex-prefeito Marquinho Mendes (PMDB) estão entre os 1.051 gestores públicos do estado do Rio de Janeiro que tiveram suas contas julgadas irregulares nos últimos oito anos. A lista foi encaminhada pelo Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ), Jonas Lopes de Carvalho Junior, ao presidente do Tribunal Regional do Rio de Janeiro (TRE-RJ), desembargador  Bernardo Garcez. Todos os citados foram responsáveis por  1.739 processos analisados e rejeitados pelo plenário do TCE-RJ.

Caberá ao TRE-RJ julgar e decidir se deverão ou não ser declarados inelegíveis aqueles que, no exercício da função pública, cometeram irregularidades detectadas pela Corte de Contas.

Alair Corrêa tem quatro processos rejeitados, todos relativos à prestação de contas, abertos em 2000, 2002, 2004 e 2005. Já Marquinho tem um processo na lista. Também relativo a prestação de contas, foi aberto em 2007.

Veja a lista completa no site do TCE