Assine Já
terça, 19 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
31ºmax
22ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 21341 Óbitos: 711
Confirmados Óbitos
Araruama 5363 160
Armação dos Búzios 2875 30
Arraial do Cabo 651 33
Cabo Frio 5750 231
Iguaba Grande 1988 50
São Pedro da Aldeia 3048 106
Saquarema 1666 101
Últimas notícias sobre a COVID-19
Alair

Alair Corrêa anuncia que vai se retirar da vida pública

Ex-prefeito completa 75 anos e avisa que se dedicará a projetos particulares

05 junho 2017 - 11h06Por Redação I Foto: Arquivo Folha
Alair Corrêa anuncia que vai se retirar da vida pública

No dia em que completou 75 anos, o ex-prefeito de Cabo Frio, Alair Corrêa anunciou que vai se retirar da vida pública após ocupar os mais diversos cargos eletivos há mais de 40 anos. Havia rumores de que Alair seria candidato a deputado estadual nas eleições do ano que vem, o que foi descartado pelo ex-prefeito em sua conta no Facebook.

No texto, publicado no último sábado (9), o ex-prefeito disse que, a partir de agora irá dedicar-se à vida empresarial e a projetos sociais. Fazendo menções religiosas, o ex-prefeito admitiu ter 'cometido erros' na última gestão que o deixaram 'em dificuldades'. 

"Sei que fui cordato mas também arrogante, me deslumbrei com elogios e aplausos sem perceber que alguns eram falsos. Mas o que me faz não comemorar como em outros anos meu aniversário é porque nesse último tive problemas, cometi erros que associados à crise econômica me deixaram em sérias dificuldades, ao me faltar humildade que me fez esquecer do mais importante: não ter colocado Deus a frente dos meus projetos e de minha vida", escreveu.

Alair foi o prefeito cabofriense que mais tempo ficou no cargo: foram 18 anos divididos em quatro mandatos, entre 1983 e 2016. O último deles foi marcado por uma série de problemas, como atrasos salariais e colapso nos serviços essenciais, em parte pela queda nas receitas com os royalties do petróleo. O experiente político também foi vereador e deputado estadual por duas vezes (eleito em 1990 e 2006). De estilo polêmico, colecionou admiradores e desafetos, entre eles, o atual prefeito e ex-aliado Marquinho Mendes (PMDB).