Assine Já
terça, 19 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
31ºmax
22ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 21341 Óbitos: 711
Confirmados Óbitos
Araruama 5363 160
Armação dos Búzios 2875 30
Arraial do Cabo 651 33
Cabo Frio 5750 231
Iguaba Grande 1988 50
São Pedro da Aldeia 3048 106
Saquarema 1666 101
Últimas notícias sobre a COVID-19
homicídio

Violência não dá trégua: dois mortos em Cabo Frio e um em Búzios nas últimas 24 horas

Na manhã desta segunda (8), homem é morto a tiros na Estradinha

08 maio 2017 - 09h41Por Redação
Violência não dá trégua: dois mortos em Cabo Frio e um em Búzios nas últimas 24 horas

A violência na região não dá trégua. Somente nas últimas 24 horas, foram registrados três homicídios, dois em Cabo Frio e um em Búzios. Na manhã desta segunda-feira (8), a polícia encontrou o corpo de um homem morto a tiros na Rua Belo Horizonte, na localidade da Estradinha, Boca do Mato, periferia de Cabo Frio. Ainda não há outras informações sobre o crime. A perícia é aguardada no local. Houve reforço no policiamento no local. 

Também em Cabo Frio, mas na noite de domingo (7), um homem foi morto após trocar tiros com a polícia na Vila Nova. Os policiais foram ao local após receberem uma denúncia de que se tratava de um ponto de venda de drogas controlado, segundo a polícia, por traficantes da Favela Nova Holanda, que fica no Complexo da Maré, no Rio. Outro suspeito foi ferido. Também foram apreendidas duas pistolas calibre 9 mm com a numeração raspada.

Em Búzios, na madrugada desta segunda (8), a vítima foi um homem que teve a casa invadida em Tucuns. O crime aconteceu por volta das duas da manhã quando dois homens entraram na casa de Eduardo Pinto de Carvalho, de 45 anos, que levou vários tiros dos invasores. Segundo testemunhas, os assassinos fugiram em seguida em um Siena preto. O caso está sob investigação da 127ª DP (Cabo Frio). 

Polícia apreende armas de brinquedo em Cabo Frio

Três homens foram presos na Praia do Forte na madrugada de domingo (7). Eles são acusados de praticar assaltos nas imediações da praia usando duas armas de brinquedo, que foram apreendidas. Após os roubos, o grupo se escondia na praia. Horas antes, na Rua Expedicionário da Pátria, em São Cristóvão, um homem foi preso por um policial à paisana ao tentar roubar um furgão cheio de remédios. Antes disso, ele chegou a ser detido por populares, que ameaçaram linchá-lo. O suspeito também usava uma arma de brinquedo. Ela já tinha passagem pela polícia por porte ilegal de arma.