sábado, 25 de maio de 2024
sábado, 25 de maio de 2024
Cabo Frio
24°C
Park lagos
Park Lagos 2
POLÍCIA

Suspeito de tentar matar policial militar é preso no Rio de Janeiro

Homem é considerado chefe do tráfico de drogas no Manoel Corrêa, em Cabo Frio

27 novembro 2019 - 19h50Por Redação
Suspeito de tentar matar policial militar é preso no Rio de Janeiro

Uma ação conjunta entre dois batalhões da Polícia Militar e a Delegacia da Polícia da Polícia Federal de Macaé levou para a prisão, em um hotel de luxo no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste do Rio, um homem acusado de chefiar o tráfico de drogas no bairro Manoel Corrêa, em Cabo Frio. 
Ele também é apontado de estar envolvido no atentado contra o capitão da PM Diogo Souza, no Novo Portinho, em setembro deste ano. O policial militar saiu ileso do ataque porque estava em um carro blindado. A ação de ontem teve a participação de policiais militares do 25º BPM (Cabo Frio) e do 31º BPM (Barra da Tijuca). 
Segundo a PM, o suspeito assumiu ter sido um dos responsáveis pela tentativa de homicídio contra o Diogo. O suspeito informou que a ordem para a execução do capitão da PM partiu de um traficante por causa dos prejuízos que a facção vinha tendo com a ação da equipe do policial. A ocorrência foi registrada na 126ª DP (Cabo Frio).
O crime ocorreu no último dia 22 de setembro, na Avenida Henrique Terra. O carro do policial foi atingido por, pelo menos, quatro tiros disparados por um dos ocupantes de uma moto. Com o ataque, a vitrine de uma loja de móveis foi atingida. 

Deam cumpre mandado em operação de combate à violência contra mulher

Policiais da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Cabo Frio cumpriram ontem um mandado de prisão contra um foragido condenado a 19 anos por estupro. A prisão  aconteceu em São Cristóvão. 
A prisão ocorreu durante as chamadas ‘Operações Empenhadas’ deflagradas pelas 14 unidades da Deam com o objetivo de prender acusados de violência doméstica e sexual. A ação aconteceu em alusão ao Dia Internacional de Não-Violência Contra a Mulher, celebrado nesta segunda.
Na ação, os agentes prenderam 22 pessoas, sendo 20 em cumprimento a mandados de prisão, duas em flagrante, além de cinco mandados de busca e apreensão cumpridos. Cinco armas foram apreendidas.