Assine Já
domingo, 27 de setembro de 2020
Região dos Lagos
31ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 8099 Óbitos: 418
Confirmados Óbitos
Araruama 1625 102
Armação dos Búzios 487 10
Arraial do Cabo 248 15
Cabo Frio 2555 140
Iguaba Grande 684 36
São Pedro da Aldeia 1323 51
Saquarema 1177 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
INVESTIGAÇÃO

Suspeito de assassinar empresário no Centro de Cabo Frio é preso na Vila do Sol

Imagens de câmera de segurança mostraram veículo utilizado no crime

11 fevereiro 2020 - 12h59Por Redação

A polícia prendeu, na manhã desta terça-feira (11), um suspeito de matar o empresário Clemir de Souza, de 62 anos, no dia 30 de janeiro, no Centro de Cabo Frio. O homem, identificado como Bruno Onofre, foi encontrado na Vila do Sol, em operação conjunta das Polícias Civil e Militar. Clemir foi assassinado na Avenida 13 de Novembro, entre as Ruas Rui Barbosa e Jorge Lóssio, depois de estacionar o carro, um Honda CR-V branco, com placa de Cabo Frio.

De acordo com a polícia, a prisão vem após análises de imagens de câmeras se segurança, que flagraram o veículo utilizado no crime, um gol vermelho, placa KWQ3J50. Os investigadores tinham ciência de que um homem envolvido com o tráfico de drogas na Vila do Sol tinha um carro com as mesmas características daquele que apareceu nas imagens. Em seguida, constataram que o automóvel foi realmente usado no assassinato.

Na casa de Bruno, além do veículo, os policiais encontraram uma pistola 9mm, munições e carregadores. Ele foi encaminhado para a 126ª DP e preso por homicídio e porte ilegal de armas. 

À luz do dia - O crime, cometido por volta do meio-dia, chocou Cabo Frio. Segundo testemunhas, pelo menos cinco disparos foram feitos contra o empresário. Relatos de pessoas que estavam próximas ao local dão conta de que o crime foi cometido por dois homens, que depois teriam fugido. 

O Corpo de Bombeiros foi acionado e levou a vítima para o Hospital Central de Emergência (HCE), mas ele não resistiu aos ferimentos na cabeça e no peito. 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.