Assine Já
segunda, 06 de julho de 2020
Região dos Lagos
27ºmax
17ºmin
TEMPO REAL Suspeitos: 337 Confirmados: 3024 Óbitos: 179
Suspeitos: 337 Confirmados: 3024 Óbitos: 179
Suspeitos:
Confirmados:
Óbitos:
Suspeitos Confirmados Óbitos
Araruama 272 585 40
Armação dos Búzios X 256 6
Arraial do Cabo 11 73 11
Cabo Frio X 954 58
Iguaba Grande 13 207 20
São Pedro da Aldeia 24 465 16
Saquarema 17 484 28
Últimas notícias sobre a COVID-19
homicídios

Segundo distrito registra três mortes em menos de 72 horas

Moradores reclamam da violência e cobram delegacia legal

30 junho 2015 - 09h07

Três homicídios foram registrados em menos de 72 horas no Segundo Distrito de Cabo Frio. Na manhã de ontem, duas pessoas foram encontradas sem vida em Tamoios. Para piorar o quadro da violência, a Folha ainda apurou que a verdadeira razão da morte do ciclista Magno Alexandre Resende Bichara, no sábado passado foi disparos de arma de fogo. Assustada com a série de assassinatos, a população pede por socorro e por um policiamento mais ostensivo. Os moradores ainda reclamam da falta de uma delegacia legal no local.

Magno Alexandre Resende Bichara, de 30 anos, morreu alvejado por tiros na Rua das Pacas, por volta das 3h. A razão da morte teria sido considerada inicialmente um atropelamento em que o motorista não parou para prestar socorro – havia pouca iluminação na pista, portanto, as testemunhas tiveram dificuldades para identificar o veículo. A bicicleta que acompanhava a vítima ainda ficou totalmente danificada, o que aumentou os rumores de um acidente. No en- tanto, a autópsia do IML constatou o assassinato como homicídio por arma de fogo. A polícia investiga o caso.

Já na manhã de ontem, um homem não identificado foi encontrado morto num ponto de ônibus, próximo à ponte quebrada. Ele vestia uma bermuda azul e uma camisa listrada. Os peritos acharam cápsulas de calibre 9mm ao lado do corpo, que foi enviado para o Instituto Médico Legal (IML) de Cabo Frio. Pouco depois, o corpo uma adolescente de 14 anos foi encontrado embaixo da ponte sobre o Rio São João. A Polícia Civil achou três cápsulas de arma de fogo perto da jovem Isabely Dalin, também removida para o IML. As duas ocorrências foram registrados na 126ª DP.

A Folha tentou entrar em contato com o comandante do 25ºBPM, tenente-coronel Ruy França, mas ele não atendeu as chamadas da redação.

*Matéria completa na edição impressa desta terça-feira.