Assine Já
quinta, 24 de junho de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
16ºmin
Alerj2
Alerj3
TEMPO REAL Confirmados: 43614 Óbitos: 1679
Confirmados Óbitos
Araruama 10812 339
Armação dos Búzios 5233 57
Arraial do Cabo 1501 83
Cabo Frio 11637 622
Iguaba Grande 4486 107
São Pedro da Aldeia 5916 260
Saquarema 4029 211
Últimas notícias sobre a COVID-19
Reserva do Peró

Polícia tenta descobrir autoria de assassinos de jovens na Reserva do Peró

Delegado não confirma que chacina tenha relação com guerra do tráfico

19 novembro 2016 - 09h52Por Redação | Divulgação PM
Polícia tenta descobrir autoria de assassinos de jovens na Reserva do Peró

Policiamento no bairro será reforçado durante todo o fim de semana

A morte de três jovens na madrugada desta sexta-feira (18) deixou o clima bastante tenso durante o resto do dia na Reserva do Peró, na região do grande Jardim Esperança, periferia de Cabo Frio. Homens encapuzados invadiram uma casa na Avenida B e dispararam contra as pessoas que estavam no local.

Wesley Costa Soares, de 18 anos, Lucas Conceição Soares, de 21, e Lorena Conceição, de 15, morreram na hora. As vítimas dormiam na hora do crime. A polícia reagiu imediatamente e manteve o patrulhamento reforçado no local que, horas antes, foi palco de uma grande operação que resultou na prisão de três pessoas ligadas ao tráfico e na apreensão de drogas e armas. Apesar de uma das principais hipóteses para chacina ser o confronto entre facções rivais da região, a Polícia Civil prefere não bater o martelo sobre a motivação do crime.

– Estamos investigando. Hoje (ontem) de manhã, ouvimos algumas testemunhas e foi feita perícia no local do crime. Estamos caminhando para elucidar o caso, mas prefiro não adiantar mais nada – disse o delegado da 126ª DP (Cabo Frio), Carlos Abreu.

O inquérito tem a duração de 30 dias, mas o prazo pode ser prorrogado antes de ser enviado ao Ministério Público.