Assine Já
domingo, 17 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
30ºmax
21ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
Araruama

Polícia investiga se vereador foi morto por traficantes

Uma das hipóteses é de que Ciraldo Fernandes da Silva tenha sofrido tentativa de extorsão

09 setembro 2019 - 19h30
Polícia investiga se vereador foi morto por traficantes

A Polícia Civil de Araruama investiga a hipótese de que o vereador Ciraldo Fernandes da Silva, de 57 anos, tenha sido assassinado por traficantes de drogas da Fazendinha na noite deste domingo, próximo ao campo do UTA, que fica no bairro. Uma das linhas de investigação do crime dá conta de que Ciraldo havia se recusado a dar dinheiro para os criminosos da localidade que o coagiam e, por isso, se vingaram. 


O vereador era empresário, dono de uma loja de material de construção na Fazendinha, e estava no quatro mandato pelo Democratas (DEM). Outras possibilidades são apuradas, mas a investigação corre em sigilo, segundo a Polícia Civil. Ontem, a Polícia Militar fez buscas em vários endereços na comunidade do UTA para tentar encontrar os autores do crime, mas ninguém foi preso.


Também ontem, o Disque Denúncia divulgou um cartaz pedindo a ajuda de quem tiver alguma informação que leve à identificação dos envolvidos na morte do vereador. Elas podem ser passadas pelo WhatsApp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; pelo facebook: https://www.facebook.com/procurados.org/, pelos telefones (21) 2253-1177 ou 0300-253-1177, ou pelo aplicativo para celular do Disque Denúncia.

De acordo com as informações divulgadas até o momento, o vereador estava em um bar na Rua Vital Brazil quando foi atingido por, pelo menos, sete disparos de armas calibre 12 e 9 mm dados por dois homens que estavam em uma moto. As cápsulas foram encontradas pelos peritos próximos ao local do crime.


Por conta de um atraso na liberação do corpo, que foi levado para São Gonçalo, o velório só ocorreu no fim da tarde de ontem. O sepultamento está marcado para a manhã de hoje. O clima nas redes e no meio político da cidade é de comoção pelo assassinato do vereador. A prefeita Lívia Bello (DEM) decretou luto oficial de três dias na cidade. O mesmo foi feito pela presidente da Câmara Municipal, Penha Bernardes (MDB).


Ciraldo Fernandes da Silva estava no quarto mandato na Câmara Municipal e foi o terceiro candidato a vereador mais votado nas eleições de 2016, com 1.904 votos. A vaga de Ciraldo será assumida por Jizamar Coutinho Souza (DEM), conhecido como ‘Borracha’. Borracha é o primeiro suplente da coligação de quatro partidos que ajudou a eleger Ciraldo. 


Esse o segundo crime neste ano em Araruama em que a vítima pertencia ao meio político. Em maio, o ex-vereador Sérgio Cunha de Andrade, conhecido como Serginho da Lotada, foi assassinado a tiros na rodovia RJ-138, que liga a área central de Araruama ao distrito de São Vicente.

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 29 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições na porta de casa, de terça a sábado. Ligue já: (22) 2644-4698. *Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.