Assine Já
domingo, 24 de outubro de 2021
Região dos Lagos
27ºmax
18ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52262 Óbitos: 2141
Confirmados Óbitos
Araruama 12321 438
Armação dos Búzios 6516 72
Arraial do Cabo 1720 92
Cabo Frio 14721 876
Iguaba Grande 5469 140
São Pedro da Aldeia 6984 288
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
NA MIRA DO MPF

Polícia Federal indicia Glaidson e mais 21 por crime contra o sistema financeiro nacional

Investigações da Operação Kryptos também apontam lavagem de dinheiro e gestão fraudulenta

24 setembro 2021 - 18h17Por Redação

A Polícia Federal indiciou, nesta quinta-feira (23), o dono da G.A.S. Consultoria, Glaidson Acácio dos Santos e mais 21 pessoas no relatório final da Operação Kryptos, realizada no último dia 25 de agosto. O relatório agora segue para o Ministério Público Federal (MPF).

O grupo liderado por Glaidson é acusado de crime contra o sistema financeiro nacional, lavagem de dinheiro e gestão fraudulenta. A G.A.S. Consultoria se apresenta como uma empresa que investe o dinheiro dos clientes em criptomoedas, contudo, as investigações apontam que o grupo, na verdade, opera um esquema de pirâmide financeira.

A empresa prometia lucros de até 10% ao mês sobre o capital investido, mas segundo as investigações, os clientes são remunerados com dinheiro de novas pessoas que entram no esquema de pirâmide e não por dividendos obtidos pela aplicação no mercado de criptomoedas. De acordo com as autoridades, o grupo movimentou R$ 38 bilhões em seis anos.

Glaidson Acácio está preso há quase um mês e, desde então, a Justiça já negou pelo menos três habeas corpus pela sua liberdade. A mulher e sócia do empresário, a venezuelana Mirelis Yoseline Diaz Zerpa, mulher e sócia de Glaidson, também foi indiciada, mas está foragida nos Estados Unidos. 

Clientes da G.A.S. entraram na Justiça  e conseguiram o bloqueio de contas da G.A.S. Desde então, os pagamentos aos clientes atrasaram ou deixaram de ser feitos. 
 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.