Assine Já
segunda, 02 de agosto de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
13ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 46523 Óbitos: 1889
Confirmados Óbitos
Araruama 11454 362
Armação dos Búzios 5517 58
Arraial do Cabo 1588 87
Cabo Frio 12706 765
Iguaba Grande 4804 116
São Pedro da Aldeia 6205 275
Saquarema 4249 226
Últimas notícias sobre a COVID-19
'OPERAÇÃO SOCÓ'

Polícia Civil investiga envolvimento de milicianos em construção de prédio irregular em Saquarema

Agentes cumprem mandados de busca e apreensão contra pessoas envolvidas na construção do imóvel de sete andares e 33 apartamentos, avaliado em R$ 20 milhões

06 julho 2021 - 10h11Por Redação

Policiais civis da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) e do Departamento-Geral de Polícia Especializada (DGPE) deflagram, nesta terça-feira (6), a 'Operação Socó'. Os agentes cumprem o dez ordens judiciais de busca e apreensão contra pessoas envolvidas no financiamento, construção e licenciamento irregular de um prédio de sete andares e 33 apartamentos no município de Saquarema, na Região dos Lagos, com valor estimado de R$ 20 milhões. A suspensão das atividades deste empreendimento também foi decretada.

A operação acontece na capital do Rio de Janeiro; em Queimados, na Baixada Fluminense; e em Saquarema. Os agentes coletarão provas dos crimes de parcelamento irregular de solo urbano (construção irregular), falta de licenciamento ambiental, advocacia administrativa, fraude em licenciamento ambiental, corrupção ativa e passiva, associação criminosa e lavagem de dinheiro, constatados em investigação em andamento na DPMA, que, por sua vez, é desdobramento de apurações que resultaram na interdição, em dezembro de 2020, de dois prédios residenciais em construção no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste da capital.

O nome da operação faz alusão à ave socó, que habita a lagoa de Saquarema. Os agentes também apuram se existe o envolvimento de milicianos que atuam no Recreio dos Bandeirantes, que migraram para a Região dos Lagos e estariam investindo em empreendimentos semelhantes naquela localidade.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.