Assine Já
domingo, 09 de maio de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
17ºmin
http://www.alerj.rj.gov.br/
Tropical mobile
TEMPO REAL Confirmados: 37366 Óbitos: 1428
Confirmados Óbitos
Araruama 9540 293
Armação dos Búzios 4618 57
Arraial do Cabo 1313 69
Cabo Frio 9865 521
Iguaba Grande 3740 92
São Pedro da Aldeia 5088 224
Saquarema 3202 172
Últimas notícias sobre a COVID-19
BOMBAS INTERDITADAS

Polícia Civil indicia dono de posto por furto de GNV em Cabo Frio

De acordo com delegado, fraude em marcador chegava a R$ 250 mil por semana

15 novembro 2019 - 15h10Por Redação
Polícia Civil indicia dono de posto por furto de GNV em Cabo Frio

A Pólícia Civil vai indiciar o dono de um posto de gasolina de bandeira BR, que fica na Avenida América Central, na altura de São Cristóvão, por furto de GNV qualificado por fraude. O crime ficou constatado durante uma diligência realizada por agentes da 126ª DP (Cabo Frio) nesta sexta-feira (15), feriado nacional da Proclamação da República. 

De acordo com a Polícia Civil, há cerca de 15 dias, os policiais receberam uma denúncia anônima dando conta que tal posto estaria furtando a CEG, pois o medidor daquela companhia estava 'bloqueado', deixando de marcar todo o GNV que abastece as centenas de veículos diariamente.

Na operação desta sexta, os policiais conseguiram pular o muro, pela rua lateral, que guarda o medidor de GNV e filmaram o aparelho 'congelado', enquanto as bombas de GNV abasteciam dezenas de veículos naquele momento.

O portão continuou trancado para aguardar a chegada do perito criminal e do delegado titular da 126a DP , Sérgio Caldas, mantendo as provas íntegras. O furto do GNV foi confirmado o furto, por meio do bloqueio do medidor de GNV.

A gerente do estabelecimento foi levada até a delegacia, mas ficou provado que ela não tinha acesso àquele ambiente, cuja chave ficava com outro funcionário, da relação pessoal do dono do posto. Segundo a Polícia Civil, um levantamento superficial indica uma subtração semanal que varia entre R$ 200 mil e R$ 250 mil. A CEG receberá comunicação formal do crime.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.