Assine Já
quarta, 25 de novembro de 2020
Região dos Lagos
26ºmax
17ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 11693 Óbitos: 534
Confirmados Óbitos
Araruama 2347 117
Armação dos Búzios 1025 16
Arraial do Cabo 364 16
Cabo Frio 3625 181
Iguaba Grande 1069 40
São Pedro da Aldeia 1801 75
Saquarema 1462 89
Últimas notícias sobre a COVID-19
Trajano

"Morte de Trajano foi crime passional", diz delegada

No Folha ao Vivo, Flávia Monteiro disse que homicídio foi ordem de traficante de Cabo Frio, cuja mulher teria sido paquerada pelo professor

30 outubro 2015 - 11h19

Em participação no programa 'Folha ao Vivo' (Rádio Cabo Frio AM) agora há pouco, a delegada de Cabo Frio, Flávia Monteiro, afirmou que o motivo da morte do professor de Educação Física João Trajano Bandeira Caixeiro, assassinado em junho do ano passado, foi um crime passional. De acordo com a delegada, que está de partida para a delegacia de Arraial do Cabo, Trajano foi morto porque teria paquerado a mulher de um traficante da cidade. Flávia Monteiro disse ainda que pelo crime ter sido por motivo fútil e sem chance de defesa da vítima, os acusados  Erick da Cruz Siqueira, de 21 anos, e Maxwell Bartholomeu de Andrade Silva, de 19, que estão foragidos, devem pegar uma pena pesada. Aliás, Erick já tinha mandado de prisão em aberto da Operação Cosntantino, realizada semana passada.

– Por ter sido um homicídio qualificado, ele devem pegar mais de 20 anos, possivelmente 30 – afirmou a delegada.

Por fim, Flávia Monteiro disse que com a identificação dos supostos assassinos, o inquérito policial está encerrado e que, tão logo eles sejam presos, o caso será da Justiça, que já expediu mandado de prisão preventiva contra ambos a pedido da própria delegada.

– Estou com a sensação de dever cumprido. Num caso como esse, sei que nada traz consolo para a família, mas pelo menos traz a sensação de Justiça, embora ela só esteja completa quando eles estiverem presos – encerrou Flávia Monteiro, que convocou coletiva de imprensa na 126ª DP, às 13h desta sexta-feira.

Relembre o caso:

Polícia identifica acusados de assassinar professor Trajano 

Delegada pede à população para formalizar depoimentos sobre a morte do professor Trajano 

Cerca de 500 pessoas fazem 'apitaço' para protestar morte de Trajano

Professor Trajano é sepultado

Professor de educação física João Trajano é morto a tiros no bairro Jardim Caiçara, em Cabo Frio