Assine Já
sábado, 25 de setembro de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
17ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 51256 Óbitos: 2089
Confirmados Óbitos
Araruama 12211 437
Armação dos Búzios 6305 64
Arraial do Cabo 1689 90
Cabo Frio 14244 839
Iguaba Grande 5384 138
São Pedro da Aldeia 6892 286
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
SEGURANÇA PÚBLICA

ISP aponta redução das taxas de criminalidade da Região dos Lagos no primeiro semestre 

Exceções são referentes aos roubos de carro e assaltos a estabelecimentos comerciais 

26 julho 2021 - 11h33Por Rodrigo Branco

Ao mesmo tempo em que o Anuário Brasileiro de Segurança Pública aponta que municípios da Região dos Lagos se destacam negativamente em relação ao número de mortes violentas de forma intencional em 2020, os dados do Instituto de Segurança Pública (ISP) divulgados esta semana apontam para uma redução de quase todos os principais índices de criminalidade no primeiro semestre em relação ao mesmo período do ano passado.

Nos sete municípios que estão na zona de abrangência do 25º Batalhão da Polícia Militar (25º BPM), a quantidade de homicídios dolosos caiu de 136, na primeira metade de 2020, para 115, nos primeiros seis meses deste ano, o que significa uma redução de 15,4%. Já os casos de letalidade violenta, que além dos homicídios incluem latrocínios [roubos seguidos de morte]; lesões corporais seguidas de morte e os autos de resistência, caíram de 171 em 2020 para 139 este ano. Uma queda de 18,7% de um ano para o outro.

Os ‘autos de resistência’, quando há mortes em função de agentes do Estado, caíram de 35 (2020) para 21 (2021), o que representa um recuo de 20%. Outro índice, os crimes violentos letais intencionais, que não levam em conta os autos de resistência, tiveram redução de 136 para 118 de um ano para o outro [queda de 13,2%].
Os crimes patrimoniais também registraram queda em praticamente todos os índices, com exceção das modalidades de roubos de veículos e de roubos a estabelecimentos comerciais.

Os registros de ocorrência feitos por motoristas que tiveram o carro levado por assaltantes subiram de 131, no primeiro semestre de 2020, para 149, na primeira metade deste ano [aumento de 13,7%}. Já os roubos a estabelecimento comerciais subiram ainda mais (30,4%), passando de 46 para 60.

O número total de roubos teve uma redução de 945 casos para 772 (18,3%), tendência seguida pelos roubos de rua [de 561 para 430]; roubos a pedestres [de 360 para 318]; roubos de carga [de 15 para 14] e roubos de celulares [de 181 para 100].

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.