Assine Já
terça, 22 de setembro de 2020
Região dos Lagos
19ºmax
16ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7847 Óbitos: 412
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 473 10
Arraial do Cabo 231 13
Cabo Frio 2555 140
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1284 51
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
carnaval

Carnaval de apreensões na região

PM faz 32 prisões e também apreende veículos, drogas e armas

11 fevereiro 2016 - 10h03

A operação Carnaval Seguro, do 25° Batalhão de Polícia Militar (BPM), resultou em diversas apreensões nas sete cidades que compreendem a área de abrangência do quartel. A ação, que teve início na última sexta-feira e continua até o próximo domingo, resultou em 32 prisões, apreendeu 140 veículos, dos quais 47 eram carros de som, além de armas, como pistolas e espingardas. A polícia ainda apreendeu mais de meio quilo de cocaína, quase um quilo de maconha e cerca de 500 gramas de crack.

– O resultado foi muito favorável até porque conseguimos transmitir sensação de segurança para a população, além de reduzir os índices de criminalidade. O conjunto da operação, com o aumento do efetivo, policiamento a pé, motos, quadriciclos além do helicóptero da PM, ajudou neste saldo positivo – avaliou o coronel André Henrique.

Entre os veículos, só em Cabo Frio, sede do quartel da PM, foram 47 carros de som removidos, enquanto Búzios teve cinco motos rebocadas e Arraial do Cabo 10 carros, 11 motos e um quadriciclo. Do total de prisões, seis foram de adolescentes apreendidos. Durante a operação, os agentes também encontraram 10 armas, sendo quatro pistolas, três revólveres e três espingardas. Houve um confronto entre um policial, que estava de folga, e um bandido, que ficou ferido.

Violência – Apesar da atuação da PM, a folia foi de violência na região. Anteontem, Cláudio da Silva Valadão foi encontrado morto dentro de um carro no bairro Cantagalo, em Rio das Ostras. Segundo a Polícia Militar, o veículo foi atingido por diversos tiros. De acordo com a polícia, ele morava em Macaé e os agentes investigam se o crime tem re- lação com o tráfico de drogas. Já na última segunda-feira, Bruno de Souza Peçanha de Almeida, de 19 anos, morador de Niterói, morreu ao cair de um prédio na Rua Tamoios, na Praia do Forte, em Cabo Frio. De acordo com o delegado Carlos Abreu, da 126ª DP, a investigação preliminar avalia a hipótese de suicídio, suspeita também cogitada pelo Corpo de Bombeiros na ocasião do socorro.

Em Araruama, Gabriela Machado Roberto, de 18 anos, morreu na noite de domingo. Ela foi foi eletrocutada por um fio de luz que teria se rompido quando passava de moto com um amigo, que teve 30% do corpo queimado. A jovem deixou um filho de três anos.

No Peró, o corretor Jorge Murillo criticou a falta de segurança e a deficiência no recolhimento de lixo no Peró.

– Estava uma bagunça. Parecia Sucupira. Tinha ônibus de turismo na Rua do Moinho para pegar gente, carros estacionados dois lados da rua. Tinha muita gente para pouca autoridade. Mas já previa isso. Enquanto não colocarem um DPO na praça do Moinho, não vai ter jeito – afirmou.

De acordo com Alexandre Santana, diretor de limpeza urbana da Comsercaf, foram recolhidos 180 toneladas de lixo em toda a extensão de areia da Praia do Forte somente na última terça. Segundo ele, cerca de 200 homens trabalharam na limpeza das ruas em Cabo Frio. Alexandre afirmou ainda que hoje deve ser feito o levantamento da quantidade de lixo que foi retirado do Peró durante o Carnaval.