Assine Já
domingo, 28 de novembro de 2021
Região dos Lagos
28ºmax
20ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 53350 Óbitos: 2180
Confirmados Óbitos
Araruama 12493 447
Armação dos Búzios 6571 73
Arraial do Cabo 1754 93
Cabo Frio 15299 896
Iguaba Grande 5549 146
São Pedro da Aldeia 7043 290
Saquarema 4641 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
OPINIÃO

Belas gigogas

27 dezembro 2019 - 20h12Por Rodrigo Cabral
Belas gigogas

As últimas cenas de 2019, na Região dos Lagos, seguem o roteiro de filmes inaplaudíveis. Em Cabo Frio, mais um capítulo do penúria dos servidores. É o drama, desta vez, do décimo terceiro, temperado com uma mensagem natalina do prefeito Adriano Moreno que desceu pior do que panetone estragado. Em Arraial, o horror. Sujeirada por todos os lados, enquanto a alta temporada se descortinava. Isso por conta do desacerto entre prefeitura e a Ecomix, empresa responsável pela limpeza. Sem receber pelos serviços, a Ecomix deixou de pagar os funcionários. Resultado: greve, porque, afinal, ninguém trabalha de graça – agora, a prefeitura conseguiu, enfim, um acordo com a empresa. Já em Búzios, o tom é de mistério. Registra-se, no balneário, um recorde e tanto: André Granado está há mais de um mês na cadeira de prefeito, depois de ser substituído dez vezes pelo vice Henrique Gomes devido a uma vexatória guerra judicial.

E o que mais os três municípios têm em comum neste fim de ano? As gigogas. Sim, as plantas aquáticas que saíram de Carapebus, no Norte Fluminense, para desencantar os turistas que visitam nossas praias. Se nos livramos do óleo do Nordeste, cuja possível chegada ao litoral da região chegou a causar temor, agora amargamos este presente de grego que é, na verdade, o anticlímax perfeito de uma temporada de desacertos. De muitos desacertos. Nesse caso, a culpa não é dos ilustres governantes – mas, se neste cinema pastelão ainda resta algum humor, o vegetal inspira uma síntese do que foram seus feitos no ano que passou: belas gigogas.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.