Assine Já
segunda, 13 de julho de 2020
Região dos Lagos
28ºmax
16ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Suspeitos: 344 Confirmados: 3388 Óbitos: 196
Suspeitos: 344 Confirmados: 3388 Óbitos: 196
Suspeitos:
Confirmados:
Óbitos:
Suspeitos Confirmados Óbitos
Araruama 274 658 42
Armação dos Búzios X 272 7
Arraial do Cabo 16 84 11
Cabo Frio X 1037 64
Iguaba Grande 12 241 20
São Pedro da Aldeia 10 530 19
Saquarema 32 566 33
Últimas notícias sobre a COVID-19
veleiro

Veleiro de bandeira inglesa continua encalhado na Praia do Peró, em Cabo Frio

Coordenador da guarda marítima diz que embarcação poderá trazer riscos, caso permaneça por muitos dias no local

19 dezembro 2014 - 14h11

Um veleiro de bandeira inglesa está completamente encalhado há dois dias na Praia do Peró, em Cabo Frio. De acordo com o coordenador geral da Guarda Marítima de Cabo Frio, Sergio Guedes, a possibilidade de vazamento de óleo é pequena e, por enquanto, há poucos riscos de dano ao meio ambiente. Guedes acredita que o fato pode ter ocorrido devido à falta de experiência do condutor da embarcação, que por não conhecer a área, a maré baixa pode ter provocado o encalhe.

- Tentamos resgatar a embarcação, fazer com que ela flutuasse, mas não obtivemos sucesso. A embarcação estava completamente abandonada. O perigo é de a maré encher e se aproximar muito da faixa de areia da praia – alertou Guedes.

O coordenador disse que a Capitania dos Portos já foi comunicada, no entanto, a obrigação de retirar o veleiro do local é do proprietário.

- Não há interesse que este monumento fique encravado num dos cartões postais mais bonitos da cidade. Parece que o proprietário conhece alguns moradores da região e assim ficará mais fácil de identificar. Temos que garantir a segurança do mar e exigir do proprietário que a embarcação seja retirada para que seja preservado nosso patrimônio natural, que agora se encontra comprometido – disse

O coordenador ressaltou ainda o perigo iminente que poderá provocar dano ao ambiente, caso o veleiro permaneça por mais dias no local. Segundo ele, como a praia é muito freqüentada, principalmente neste período de alta temporada, pode haver perigo aos banhistas:

- Vamos manter prontidão na praia para assegurar segurança dos freqüentadores, tantos os moradores quanto os turistas.