Assine Já
segunda, 21 de setembro de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7728 Óbitos: 407
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 468 10
Arraial do Cabo 215 13
Cabo Frio 2528 136
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1213 50
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
upa sao pedro

Upa de São Pedro da Aldeia agora só atende pediatria

Medida vale a partir de hoje e atendimentos contemplam crianças de 0 a 14 anos

01 junho 2016 - 13h28

Desde as primeiras horas desta quarta-feira (01/06) a Unidade de Pronto Atendimento em São Pedro da Aldeia (UPA), passou a ser pediátrica. Agora o atendimento está disponível apenas a crianças de 0 a 14 anos. A medida foi tomada depois que o destino da unidade ficou incerto por conta de dívidas do Governo do Estado do Rio com os prestadores de serviço.

A solução foi costurada em uma reunião entre o prefeito Cláudio Chumbinho e o secretário estadual de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Junior, que também contou a presença do secretário municipal Luis Cláudio Sartori e da subsecretária Maria Lúcia Feitosa. No encontro também foi definido que o atendimento aos adultos será feito no Pronto Socorro Municipal, que vai passar por obras de reforma e ampliação em parceria com o estado.

– Com a crise financeira que o Governo do Estado está atravessando nos reunimos para selar o futuro da UPA de São Pedro da Aldeia da melhor maneira possível para todos. Minha preocupação é que o atendimento infantil seja intensificado, com as melhorias que uma unidade específica para pediatria pode oferecer a nossas crianças e adolescentes – disse Chumbinho.

Com o retorno da atividade pediátrica na UPA, a expectativa é acabar com a carência no atendimento infantil na cidade, que havia desde que o serviço foi interrompido há 20 dias.

– O prefeito de São Pedro da Aldeia nos procurou para solicitar a transformação da UPA da cidade para pediátrica e é claro que atendemos ao pedido. A Secretaria de Estado vai abrir um chamamento público nos próximos dias para a contratação de uma nova Organização Social que vai administrar a unidade e a partir disso a UPA funcionará atendendo a crianças e adolescentes. A adequação da UPA acontecerá sem a interrupção no atendimento – explicou o secretário estadual de Saúde.