Assine Já
quinta, 16 de julho de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
13ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 3553 Óbitos: 207
Confirmados Óbitos
Araruama 671 42
Armação dos Búzios 288 8
Arraial do Cabo 88 11
Cabo Frio 1067 66
Iguaba Grande 257 20
São Pedro da Aldeia 565 21
Saquarema 617 39
Últimas notícias sobre a COVID-19
upa sao pedro

Upa de São Pedro da Aldeia agora só atende pediatria

Medida vale a partir de hoje e atendimentos contemplam crianças de 0 a 14 anos

01 junho 2016 - 13h28

Desde as primeiras horas desta quarta-feira (01/06) a Unidade de Pronto Atendimento em São Pedro da Aldeia (UPA), passou a ser pediátrica. Agora o atendimento está disponível apenas a crianças de 0 a 14 anos. A medida foi tomada depois que o destino da unidade ficou incerto por conta de dívidas do Governo do Estado do Rio com os prestadores de serviço.

A solução foi costurada em uma reunião entre o prefeito Cláudio Chumbinho e o secretário estadual de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Junior, que também contou a presença do secretário municipal Luis Cláudio Sartori e da subsecretária Maria Lúcia Feitosa. No encontro também foi definido que o atendimento aos adultos será feito no Pronto Socorro Municipal, que vai passar por obras de reforma e ampliação em parceria com o estado.

– Com a crise financeira que o Governo do Estado está atravessando nos reunimos para selar o futuro da UPA de São Pedro da Aldeia da melhor maneira possível para todos. Minha preocupação é que o atendimento infantil seja intensificado, com as melhorias que uma unidade específica para pediatria pode oferecer a nossas crianças e adolescentes – disse Chumbinho.

Com o retorno da atividade pediátrica na UPA, a expectativa é acabar com a carência no atendimento infantil na cidade, que havia desde que o serviço foi interrompido há 20 dias.

– O prefeito de São Pedro da Aldeia nos procurou para solicitar a transformação da UPA da cidade para pediátrica e é claro que atendemos ao pedido. A Secretaria de Estado vai abrir um chamamento público nos próximos dias para a contratação de uma nova Organização Social que vai administrar a unidade e a partir disso a UPA funcionará atendendo a crianças e adolescentes. A adequação da UPA acontecerá sem a interrupção no atendimento – explicou o secretário estadual de Saúde.