Assine Já
segunda, 13 de julho de 2020
Região dos Lagos
28ºmax
16ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Suspeitos: 344 Confirmados: 3388 Óbitos: 196
Suspeitos: 344 Confirmados: 3388 Óbitos: 196
Suspeitos:
Confirmados:
Óbitos:
Suspeitos Confirmados Óbitos
Araruama 274 658 42
Armação dos Búzios X 272 7
Arraial do Cabo 16 84 11
Cabo Frio X 1037 64
Iguaba Grande 12 241 20
São Pedro da Aldeia 10 530 19
Saquarema 32 566 33
Últimas notícias sobre a COVID-19
Aniversário de diário

UMA QUESTÃO DE OPINIÃO

"É meu dever celebrar a vitória da perseverança"
10 julho 2015 - 09h51

UMA QUESTÃO DE OPINIÃO

Desde que a Folha dos Lagos deu início à sua mais relevante mudança editorial, sob a gestão do jornalista Rodrigo Cabral, tem sido gradativa a qualificação do jornal, notadamente quanto à Editoria de Opinião. Embora não exista com o rigor da denominação, ela está presente pela forma edificante, forte no conteúdo e na profundidade das abordagens.

Mais do que isso, esta editoria se põe impecável pela leveza e elegância no escrever daqueles que hoje fazem parte deste time que tem opinião.
Basta um passeio pelas redes sociais e, quase que diariamente, nos deparamos com o reconhecimento dos nossos leitores, que sempre exaltam a forma, o estilo, o conteúdo certo, no momento propício.

Representantes de uma nova geração de jornalistas, o diretor executivo da Folha, Rodrigo Cabral , e o editor Filipe Rangel , definitivamente, escrevem a nova história da Folha dos Lagos, o novo momento de Cabo Frio, da região e do país. Melhor ainda, através da liderança deles, a Folha se põe como o veículo impresso dos novos tempos, que, em vez da agonia imposta pelas mídias sociais, se reinventa com o diferencial da opinião e se fortalece como a plataforma de um futuro ainda melhor.

Como protagonista desta história, é meu dever declarar rendição à competência, ao zelo e ao amor desta nova geração que cuida dos destinos da Folha dos Lagos. Há 25 anos, num certo 30 de abril, fiz circular o jornal pela primeira vez e, há 16 anos, num certo 7 de julho, fiz a Folha sair de semanário e tornar-se um jornal diário.

Mesmo com todas as dores, aflições, angústias e decepções, é meu dever celebrar a vitória da perseverança. Ao mesmo tempo, declarar, para sempre, que valeu a pena...

*Confira o Caderno Especial de 16 anos de Diário encartado na edição impressa da Folha desta sexta-feira !