Assine Já
sexta, 18 de setembro de 2020
Região dos Lagos
30ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7483 Óbitos: 397
Confirmados Óbitos
Araruama 1452 99
Armação dos Búzios 466 10
Arraial do Cabo 201 13
Cabo Frio 2467 130
Iguaba Grande 622 34
São Pedro da Aldeia 1153 50
Saquarema 1122 61
Últimas notícias sobre a COVID-19
tce

TCE encontra irregularidades na merenda em Cabo Frio

Auditoria surpresa foi feita em escolas em 2015

15 outubro 2016 - 09h25

Após tornar público os problemas no processo de contratação, fabricação e distribuição da merenda escolar em cidades da região, o Tribunal de Contas do Estado divulgou o relatório sobre a auditoria surpresa feita nas escolas e secretaria de Educação de Cabo Frio.

A Folha teve acesso com exclusividade ao relatório, que aponta diversas irregularidades como liquidação irregular da despesa com merenda escolar e contratação de empresa para fornecimento de gêneros alimentícios e ou refeições prontas para merenda escolar, sem observação de premissas básicas previstas na Lei.

Problemas no armazenamento, na produção de alimentos (sem condições higiênico-sanitárias adequadas) também foram destacados no relatório do TCE. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, a prefeitura foi notificada em julho para que tomasse providências. Já a assessoria de imprensa da Prefeitura de Cabo Frio não respondeu até o fechamento desta matéria.

Membro do Conselho de Alimentação Escolar, o professor e vereador eleito Rafael Peçanha, informou que vai solicitar os processos de licitação das empresas que prestaram serviços para a Educação em 2015. 

– Como representante do magistério municipal no conselho de alimentação escolar, vou solicitar os processos de licitação das empresas que prestaram o serviço em 2015. Vamos pedir também ao TCE-RJ o inteiro teor do processo para termos acesso às analises do tribunal. Mas desde já fica claro mais uma vez a péssima gestão municipal no que se refere à alimentação escolar, sem apreço pela transparência nos contratos e pelo funcionamento das escolas com qualidade. Educação nunca foi prioridade para essa gestão – declarou Rafael.

A auditoria foi realizada em 2015 em 91 cidades do Estado do Rio e também apontou irregularidades em Arraial do Cabo, São Pedro e Búzios. 

 

Leia o resultado da auditoria em outras prefeituras:

http://www.folhadoslagos.com/geral/cidade/tce-aponta-irregularidades-na-merenda-escolar-em-municipios-da-regiao