Assine Já
sábado, 23 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
29ºmax
20ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 21896 Óbitos: 720
Confirmados Óbitos
Araruama 5363 160
Armação dos Búzios 2875 30
Arraial do Cabo 651 33
Cabo Frio 5750 231
Iguaba Grande 1988 50
São Pedro da Aldeia 3048 106
Saquarema 2221 110
Últimas notícias sobre a COVID-19
Doação

Em ação de solidariedade, Lara consegue doações e a chance de um lar

Além de fraldas e leite, Lara pode conseguir ambiente seguro

22 agosto 2015 - 09h00

NICIA CARVALHO

 

“Eu não imaginava que pode­riam existir pessoas tão boas no mundo. Recebi muitas ligações de pessoas querendo ajudar de­pois que viram a matéria com a Lara, que doaram fraldas e leite para a minha sobrinha. Eu estou muito feliz e o meu marido ain­da não está acreditando. Graças a Deus será possível um ambiente seguro para ela.”

Foi com voz embargada, que Fernanda Rosa dos Santos, 32, tia da menina Lara Vitória dos Santos, de um ano e três meses, relatou a emoção que veio com os telefonemas de ajuda que re­cebeu. Tanto pessoas quanto em­presas da região e até mesmo do Rio de Janeiro se prontificaram a colaborar com a construção de ao menos um quarto para a menina, que foi diagnosticada com ence­falopatia, um tipo de alteração patológica no cérebro, depois que caiu em uma cisterna, em São Pe­dro da Aldeia, em abril deste ano.

Atualmente ela está internada no Hospital Municipal da Crian­ça, em Cabo Frio, mas está pres­tes a receber alta. Além de inú­meros pacotes de fralda e latas de leite especial, Fernanda contou que depois da matéria publica­da na edição de ontem da Folha pelo menos três empresas, sendo uma de Arraial do Cabo e uma de Cabo Frio, além de uma ONG do Rio de Janeiro, mostraram in­teresse em ajudar no término da casa que ela e o marido estão er­guendo em São Jacinto. O casal tem ainda dois filhos, de 15 e oito anos. Por recomendação médica, o ambiente precisa ser o mais se­guro e estéril para receber Lara Vitória, que respira por meio de traqueostomia e recebe alimentos através de uma sonda.

 

*Leia a matéria completa na edição impressa deste final de semana