Assine Já
sexta, 25 de setembro de 2020
Região dos Lagos
27ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 8032 Óbitos: 418
Confirmados Óbitos
Araruama 1614 102
Armação dos Búzios 477 10
Arraial do Cabo 241 15
Cabo Frio 2555 140
Iguaba Grande 671 36
São Pedro da Aldeia 1309 51
Saquarema 1165 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Ordem Pública

Secretaria fará Choque de Ordem na Gamboa nesta terça

Principal alvo da Guada Municipal serão carros parados em local proibido

09 maio 2015 - 17h52
Secretaria fará Choque de Ordem na Gamboa nesta terça

O secretário municipal de Ordem Pública de Cabo Frio, Renato Vianna, confirmou para esta terça-feira mais uma operação de ordenamento na Gamboa, cenário de operação recente para colocação de placas de sinalização e trânsito. Segundo Vianna, nesta segunda etapa, os alvos da Guarda Municipal e dos agentes da secretaria serão os carros parados em locais proibidos, como vagas para idosos e portadores e necessidades especiais ou em frente a garagens. O secretário enfatizou ainda que os motoristas infratores estarão sujeitos a multa e ao reboque do veículo.

 – Os comerciantes, de quem estamos atendo as reclamações, e moradores estão avisados há mais de uma semana sobre essa operação – garantiu.

 Festival de reboques no Centro

 Se a operação na Gamboa terá hora marcada, um fato chamou a atenção de quem passava pelo centro da cidade na tarde deste sábado. A quantidade de carros rebocados nas proximidades das agências bancárias da Avenida Assunção. Segundo uma leitora, no espaço de quarenta minutos, cinco veículos foram multados e retirados de circulação por equipes da secretaria de Ordem Pública. Apesar disso, o secretário Vianna assegurou que não se tratou de qualquer operação especial, e sim, procedimento de rotina.

 – Minha orientação é essa. Isso é normal. Balizamos as viaturas e reboques em pontos estratégico. Se a Guarda Municipal verificar carros estacionados irregularmente é para rebocar mesmo. Mas apesar disso, acredito que as pessoas estão se conscientizando mais e estatisticamente (os reboques e multas) estão diminuindo. Principalmente em Cabo Frio, que representa apenas 10% desses casos. Os outros 90% são de cidades vizinhas ou visitantes – frisou. 

Crédito da foto: Fernanda Carriço