Assine Já
sábado, 31 de julho de 2021
Região dos Lagos
18ºmax
12ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 46181 Óbitos: 1868
Confirmados Óbitos
Araruama 11325 353
Armação dos Búzios 5463 57
Arraial do Cabo 1574 87
Cabo Frio 12663 757
Iguaba Grande 4763 115
São Pedro da Aldeia 6144 273
Saquarema 4249 226
Últimas notícias sobre a COVID-19
FLUMINENSE E CENTRO

São Pedro da Aldeia notifica quatro estabelecimentos por descumprirem normas contra Covid-19

Entre as irregularidades estavam funcionamento fora do horário e uso de som mecânico

14 junho 2021 - 19h00Por Redação

O comboio de fiscalização organizado pela Secretaria de Segurança e Ordem Pública de São Pedro da Aldeia aplicou, durante o fim de semana, seis notificações em estabelecimentos comerciais por descumprimento às normas de contenção à Covid-19 em vigor no município (Decreto nº 109). Foram encontradas irregularidades em quatro comércios nos bairros Fluminense e Centro. 

Os agentes observaram o descumprimento do distanciamento social sugerido, funcionamento além do horário permitido e utilização de som mecânico, por exemplo. A equipe é composta pelas guardas Municipal e Ambiental, Fiscalização de Postura e Vigilância Sanitária, e atua com o apoio da Polícia Militar. 

O descumprimento à notificação pode acarretar a aplicação de advertência, cassação do alvará de funcionamento e multa de até R$ 5 mil. Denúncia podem ser feitas pela população por meio do número 153. A ligação é gratuita. 

Ainda durante o fim de semana, na noite de domingo (13), a Guarda Municipal aldeense deteve três suspeitos de cometerem roubos na região central da cidade e no bairro Nova São Pedro. Eles foram reconhecidos pelos agentes por meio das características descritas por uma das vítimas. O trio foi encaminhado à Delegacia de Polícia (126º DP). 

Confira as medidas voltadas ao funcionamento do comércio:

Os estabelecimentos comerciais podem funcionar de 6h até 1h. Após este horário, comércios que mantiverem atividades em funcionamento estarão passíveis de fiscalização. Também foi determinada a proibição da venda de bebidas alcoólicas para clientes que estejam em pé. Segue proibida a utilização de música ao vivo nos estabelecimentos, além da transmissão de atividades esportivas que provoquem aglomeração de pessoas dentro, fora ou nas imediações do local.

Deve ser respeitado o limite de 50% da capacidade do local, devendo, também, realizar a higienização das mãos e a aferição da temperatura dos clientes no momento de acesso ao interior da loja e ter álcool em gel disponível aos consumidores. Os ambientes internos devem ser mantidos com ampla ventilação e as filas organizadas com o distanciamento de, no mínimo, 1,5m (um metro e meio) entre os clientes. A disposição das mesas também deve ter distanciamento mínimo de 1,5 m (um metro e meio) entre elas. Os estabelecimentos comerciais deverão disponibilizar os equipamentos de proteção individual (EPIs) aos funcionários, conforme orientação das autoridades de saúde, devendo manter, ainda, a desinfecção diária de todos os seus espaços. 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.