Assine Já
quinta, 05 de agosto de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
13ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 46659 Óbitos: 1894
Confirmados Óbitos
Araruama 11510 362
Armação dos Búzios 5522 58
Arraial do Cabo 1591 88
Cabo Frio 12723 768
Iguaba Grande 4824 117
São Pedro da Aldeia 6240 275
Saquarema 4249 226
Últimas notícias sobre a COVID-19
NÃO REABRE AGORA

São Pedro da Aldeia decide manter comércio fechado até 5 de abril

Prefeitura e Associação Comercial vão estudar ações para reduzir impacto financeiro da quarentena

27 março 2020 - 16h54Por Redação

O comércio de São Pedro da Aldeia deverá continuar fechado até o dia 5 de abril, conforme Decreto Municipal 026/2020. A decisão integra a cooperação técnica que está sendo estabelecida entre o Município de São Pedro da Aldeia e a classe empresarial aldeense, representada pela ACIASPA/CDL.

Em reunião realizada nesta sexta-feira (27) com o Gabinete de Crise, a ACIASPA/CDL manifestou a preocupação com a saúde pública em razão da reabertura do comércio e registraram o pedido de apoio na busca de alternativas para a delicada situação enfrentada por todos os comerciantes.

Acompanhado de vários empresários e um profissional da área de saúde, o Presidente da ACIASPA/CDL, José Pereira Lima Filho, ponderou que o momento é de muita cautela e preocupação, tanto do ponto de vista de saúde, quanto da economia. “Cumprir o decreto e manter a quarentena é uma questão de ajudar a preservar vidas, mas também precisamos buscar soluções para que os empresários possam ver luz no fim do túnel”, afirma o presidente da ACIASPA/CDL.

O prefeito Cláudio Chumbinho acolheu a sugestão dos empresários e prontamente colocou todo o corpo técnico da prefeitura à disposição da ACIASPA/CDL. “Como gestor público precisamos analisar todos os impactos. Como sempre fazemos, mais uma vez colocamos nossos técnicos à disposição. É muito importante essa aproximação, diálogo e decisão tomada em conjunto com a classe empresarial, pois tem reflexo em toda a sociedade”.

Para cooperar nos esclarecimentos, o cardiologista, Dr. Anderson Wilnes Simas Pereira, corroborou sobre a importância, nesse momento, do isolamento horizontal. “O ideal seria se pudéssemos testar o maior número de pessoas, mas diante das circunstâncias, temos que ter cautela e isolamento. Medidas tardias não tem grandes efeitos”, justificou o médico.

Como alternativa para amenizar a delicada situação enfrentada pelos comerciantes, será firmada uma parceria entre corpo técnico da ACIASPA/CDL com o corpo técnico das Secretarias Municipal da Fazenda e Desenvolvimento Econômico para poder viabilizar o acesso do micro e pequeno empreendedores a crédito em agências de fomento. A cooperação inclui a divulgação das linhas de crédito aos empresários, consultoria para preenchimento de cadastro e análise de documentos.

Vale lembrar que o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, por meio de diferentes Promotorias de Justiça de Tutela Coletiva, vem expedindo Recomendações a diversos municípios fluminenses, no sentido de manter o comércio fechado. 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.