Assine Já
quarta, 30 de setembro de 2020
Região dos Lagos
28ºmax
19ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 8412 Óbitos: 437
Confirmados Óbitos
Araruama 1657 103
Armação dos Búzios 500 10
Arraial do Cabo 252 15
Cabo Frio 2775 149
Iguaba Grande 695 37
São Pedro da Aldeia 1353 54
Saquarema 1180 69
Últimas notícias sobre a COVID-19
criação

São Pedro cria Comissão de Riscos e Desastres Naturais

Grupo atuará em emergência e calamidade pública

24 setembro 2014 - 15h16Por Foto: Ascom PMSPA

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Assistência Social em parceria com a Defesa Civil, formalizou a criação da Comissão de Gestão de Riscos e Desastres Naturais do município. Composto também por membros das secretarias de Urbanismo, Habitação, Serviços Públicos, Ambiente e Saúde, o grupo tem como objetivo atuar na prevenção, preparação e resposta aos casos de emergência e calamidade pública que ocorrem na cidade.

Na ocasião, o coordenador da Defesa Civil, capitão Wilson Nascimento ressaltou a importância da criação da comissão.

- A criação dessa comissão era uma necessidade do nosso município que partiu de um chamamento da Assistência Social, mobilizando os diversos órgãos públicos para a criação conjunta de um protocolo de atendimento às famílias e indivíduos em situação de risco. A formalização do grupo é muito importante. É através dele que vamos definir o papel de cada um, de que maneira cada secretaria vai atuar em caso de desastres naturais no nosso município - ressaltou.

Durante o encontro, o coordenador entregou aos representantes das diversas secretarias envolvidas uma cópia do Formulário de Informação de Desastres (FIDE).

- Cada secretaria terá acesso a uma cópia do formulário que, quando houver necessidade, deverá ser preenchido e enviado à Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil. Com os questionários devidamente preenchidos, todas as informações serão lançadas no Sistema Integrado de Informações de Desastres do Ministério da Integração Nacional, órgão responsável por decretar oficialmente situação de emergência ou estado de calamidade pública. A partir disso, São Pedro da Aldeia vai poder receber os recursos federais por transferência obrigatória, previstos em Lei - informou.

De acordo com a coordenadora da Proteção Básica e Especial da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, Wânia Arruda, no documento de formalização da comissão consta todos os procedimentos para o atendimento, apoio e proteção à população em situação de vulnerabilidade social.

- Através desta normatização, saberemos qual o papel de cada secretaria no trabalho de apoio e minimização de danos às famílias atingidas por situações de emergência ou calamidade. Por meio dessa comissão, vamos articular ações conjuntas e buscar recursos junto ao Governo Federal para oferecer serviços como alojamentos provisórios, atenções e provisões materiais, conforme as necessidades detectadas em casos de desastres - ressaltou.