Assine Já
segunda, 25 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
30ºmax
21ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 22503 Óbitos: 742
Confirmados Óbitos
Araruama 5567 166
Armação dos Búzios 2960 30
Arraial do Cabo 651 33
Cabo Frio 6068 247
Iguaba Grande 1988 50
São Pedro da Aldeia 3048 106
Saquarema 2221 110
Últimas notícias sobre a COVID-19
REFORMA NA CASA DO SAMBA

Riotur diz que obras no Sambódromo só ficam prontas na primeira semana de fevereiro

Situação praticamente descarta a realização de ensaios técnicos das escolas do Grupo Especial

22 janeiro 2020 - 13h39Por Rodrigo Branco

Inicialmente prevista para terminarem no próximo dia 30, as obras estruturais o Sambódromo do Rio de Janeiro só serão concluídas na primeira semana de fevereiro, segundo a Riotur. Apesar da mudança, a entidade que cuida do turismo na capital diz que tudo está dentro do cronograma.

Cerca de 200 operários trabalham na obra, que prevê intervenções passa por intervenções na parte de iluminação, infraestrutura e segurança (incêndio e pânico). Entre as melhorias, estão pintura geral; aumento no número de degraus das arquibancadas; reforço na parte de concreto; tratamento das juntas de dilatação.

As partes de iluminação e de segurança, com a instalação de sistema contra incêndio e de planos de fuga também serão feitas. O custo total das obras é de R$ 8,1 milhões, repassados pelo Ministério do Turismo.

A situação praticamente inviabiliza a realização dos tradicionais ensaios técnicos nas semanas que antecedem o Carnaval. Até mesmo o teste de luz e som com a Mangueira, atual campeã, estaria a perigo. Uma plenária na Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), na noite desta quarta-feira (22) deve resultar em uma conclusão sobre o assunto.

Entretanto, desde já, as chances de serem realizados os ensaios são consideradas remotas, até mesmo pela questão financeira, em um ano em que praticamente todas as escolas passam por dificuldades.

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.