Assine Já
segunda, 01 de março de 2021
Região dos Lagos
29ºmax
21ºmin
Tropical
Tropical mobile
TEMPO REAL Confirmados: 26824 Óbitos: 919
Confirmados Óbitos
Araruama 6793 183
Armação dos Búzios 3201 32
Arraial do Cabo 865 38
Cabo Frio 7434 352
Iguaba Grande 2529 55
São Pedro da Aldeia 3551 126
Saquarema 2451 133
Últimas notícias sobre a COVID-19
reforma igreja

Reforma da igreja deve ser concluída este mês

Paróquia Nossa Senhora Assunção tem melhorias internas e externas

01 julho 2015 - 09h35
Reforma da igreja deve ser concluída este mês

NICIA CARVALHO

A reforma da Paróquia de Nossa Senhora da Assunção, em Cabo Frio, entra na fase final e dever ser concluída ainda este mês. O prédio, que remonta ao início do século XVII, vem recebendo melhorias internas e externas, além da restauração das peças que compõem o acervo da igreja. O valor total do investimento não foi informado, mas somente o telhado teve custo de R$ 35 mil.

– Toda a reforma está sendo feita com recursos próprios, mas ainda não temos o custo total, só depois de concluirmos a obra. O prédio precisava de recuperação, assim como as imagens e o altar da igreja – explicou o padre Marcelo Chelles.

Segundo ele, que completa um ano como pároco da igreja em julho, todo o processo de recuperação da igreja foi feito com acompanhamento de um engenheiro do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e a restauração das peças está sendo feita por um artista plástico italiano.
O levantamento, iniciado em setembro do ano passado, identificou o que deveria ser realizado e serviu como base para a elaboração do cronograma de atividades. A reforma inclui a restauração das imagens, substituição de emboço que estava apodrecido em alguns pontos por conta de infiltrações e douração dos altares.

Haverá ainda recuperação de móveis que estavam com cupim, inclusive o altar de Nossa Senhora Aparecida, datado do século XVII, além de cuidados com bancos, janelas, portas. O piso também passará por processo de limpeza, além da substituição de toda a rede elétrica bem como dos ventiladores e do sistema de som. Na parte externa, o emboço apodrecido será trocado e depois receberá pintura.

De acordo com o padre, a próxima fase da reforma será a douração da igreja: imagens, altares e outras peças. Na avaliação de Marcos Ulgheri, artista responsável pela restauração que trabalha há três meses na recuperação da igreja, as condições da igreja são muito delicadas.
– Toda a igreja está muito castigada. Imagens, a parte artística, o telhado. Mas é um trabalho desafiador que eu gosto de fazer – contou.

*Leia matéria completa na edição impressa desta quarta-feira na Folha.