Assine Já
sexta, 17 de setembro de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 50529 Óbitos: 2055
Confirmados Óbitos
Araruama 12146 429
Armação dos Búzios 6138 64
Arraial do Cabo 1679 90
Cabo Frio 13948 821
Iguaba Grande 5338 134
São Pedro da Aldeia 6812 284
Saquarema 4468 233
Últimas notícias sobre a COVID-19
saúde

Recado das ruas: mais saúde e educação

Moradores cobram de futuro prefeito melhorias nas necessidades básicas e o pagamento das dívidas

22 setembro 2016 - 15h59Por Texto e fotos: Gabriel Tinoco
Recado das ruas: mais saúde e educação

Da esq. para dir.: Antonio Carlos, Rafael e Allerson querem cidade funcionando melhor

Restam apenas dez dias para a eleição, mas o cabofriense já mostrou qual o recado que quer dar àquele que ocupar a cadeira de prefeito no próximo dia dois. Os moradores pediram melhorias na Saúde e na Educação, além de clamarem por uma maior geração de empregos. A Folha foi às ruas e ouviu os eleitores, que falaram que não faltará vigia para os próximos gestores.

O estoquista Rafael Rodrigues, 20, tem dois pedidos como prioridades: as pastas Saúde e Educação.

- É preciso melhorar a saúde a educação. Isso não pode faltar no nosso dia-a-dia, é o básico. Tem que cobrar isso, porque os políticos prometem e não cumprem - ressalta.

O vendedor Allersom Martins, 19, explicaria a importância das necessidades básicas no cotidiano de qualquer pessoa ao próximo chefe do Executivo.

- Saúde e educação são o básico que o ser humano precisa. Hoje em dia sem educação, a pessoa não é nada. E não preciso nem falar da saúde né? Quem quer marcar uma consulta hoje em dia precisa chegar na unidade meia-noite para ser atendido às 5h. Então são esses dois pontos que pediria para o próximo prefeito melhorar - comenta.

Já o comerciante João Barbosa, 32, trata a melhora na Saúde como medida mais urgente. - Há muita coisa para melhorar, mas acho que a Saúde é o que mais precisa. Está péssima, largada, abandonada.

A estudante Gabrielly dos Santos, 23, sequer vê pediatras nos hospitais.

- Pediria uma melhora na saúde pública, principalmente nos hospitais. A situação está péssima. Mal encontro pediatras nas unidades de Cabo Frio.

O autônomo Antonio Carlos da Silva, 48, priorizaria o pagamento das dívidas.

- Tem três coisas faltando: saúde, educação e pagamento do funcionalismo público. Pediria essas três coisas ao prefeito.

O vendedor Allan Motta, 31, pediria um turismo de melhor qualidade ao prefeito.

- Óbvio que as áreas da Saúde e da Educação precisam de melhoras, mas pediria um Turismo melhor ao prefeito. Para isso, deveria instalar um centro de convenções na cidade.

Já o vendedor Eduardo da Costa, 29, já sabe qual seria a primeira cobrança: mais geração de empregos.

- No momento, emprego é o assunto mais importante da cidade. As pessoas precisam primeiramente de emprego e depois de mais educação, até mesmo para ter empregos. Uma coisa liga à outra.