Assine Já
segunda, 25 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
30ºmax
21ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 21896 Óbitos: 720
Confirmados Óbitos
Araruama 5363 160
Armação dos Búzios 2875 30
Arraial do Cabo 651 33
Cabo Frio 5750 231
Iguaba Grande 1988 50
São Pedro da Aldeia 3048 106
Saquarema 2221 110
Últimas notícias sobre a COVID-19
COBRANÇA

Profissionais da Educação de Cabo Frio protestam pelo pagamento dos salários dos aposentados

Servidores também protestam contra Projeto de Lei que afeta o Ibascaf/PasMed

22 junho 2020 - 11h27Por Redação

Os servidores da educação de Cabo Frio, membros do Sindicato  dos Profissionais da Educação  do Rio de Janeiro, núcleo Lagos (Sepe Lagos), realizam na manhã desta segunda-feira (22) um protesto em frente à Prefeitura de Cabo Frio.

O ato tem o objetivo de cobrar ao prefeito Adriano Moreno o pagamento imediato de todos os servidores aposentados do município, cujos vencimentos estão atrasados há 17 dias. Pelo segundo mês consecutivo, eles tiveram o pagamento  escalonado por faixa salarial.

De acordo com a categoria, os trabalhadores também exigem que a administração municipal recue da aprovação do Projeto de Lei (PL) 1/2020, que impõe mudanças na estrutura organizativa do Instituto de Benefícios e Assistência aos Servidores Municipais de Cabo Frio (Ibascaf) e ataca o Programa de Assistência Médica aos Servidores Municipais (PasMed).

O Sepe Lagos também se opõe à transferência do PasMed do Ibascaf para a Prefeitura. A avaliação do sindicato é de que essa medida visa impedir que os servidores municipais exerçam algum controle social sobre seu programa de assistência médica.

O protesto reune poucas pessoas e não foi amplamente divulgado em respeito às medidas de segurança sanitária recomendadas pela OMS. Os presentes neste ato mantêm distância mínima de 2 metros, usam máscaras e estão todos munidos de álcool etílico em gel a 70% para assepsia das mãos e higienização de superfícies e objetos.

Em nota, a Prefeitura de Cabo Frio disse que toda reunião entre governo e o sindicato deve ser encaminhada por ofício à Prefeitura solicitando o encontro indicando os representantes e a pauta. O órgão ainda esclareceu que o Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe) solicitou a reunião  no fim do mês passado, e a Prefeitura irá agendar a data.

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.