Assine Já
quarta, 01 de dezembro de 2021
Região dos Lagos
25ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 53491 Óbitos: 2186
Confirmados Óbitos
Araruama 12497 447
Armação dos Búzios 6580 73
Arraial do Cabo 1754 93
Cabo Frio 15408 901
Iguaba Grande 5564 147
São Pedro da Aldeia 7047 290
Saquarema 4641 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
R$ 15 MILHÕES DE FUNDEB

Profissionais da Educação de Cabo Frio começam a receber 13° salário nesta sexta (18)

Data é para aqueles servidores cujo salário é pago pelo Fundeb; para os demais, o prazo é dia 23

16 dezembro 2020 - 16h36Por Redação

A Prefeitura de Cabo Frio anunciou nesta quarta-feira (16) que os servidores da Educação receberão o 13° salário  antes do Natal. Segundo o governo municipal, a gratificação dos funcionários da Secretaria de Educação vinculados ao Fundeb (Fundo da Educação Básica) vai ser depositado nesta sexta-feira (18).

De acordo com a Prefeitura, a folha do benefício é gerada no mês de dezembro, após o fechamento da folha salarial do mesmo mês. A Secretaria de Educação diase que o saldo atual da verba do Fundeb é de R$ 15.342.341,94, sendo suficiente para realizar o pagamento.
Os outros profissionais da Educação receberão o 13º até a quarta-feira da semana quem vem (23). 

A incerteza com relação ao pagamento do 13° este ano gerou inúmeras reclamações de professores e funcionários nas redes sociais e em grupos de WhatsApp.

Bloqueios - Em comunicado, a Prefeitura observou que o atraso noa pagamentos ao funcionalismo se devem, principalmente, aos bloqueios que Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro vem fazendo sistematicamente nos repasses do ICMS. Segundo o governo, o dinheiro que seria usado para pagar o funcionalismo e que a Justiça está bloqueando para pagar dívidas de precatórios de administrações anteriores. 

A Procuradoria-geral do município recorreu ao STJ (Superior Tribunal de Justiça), e ao STF (Supremo Tribunal Federal), mas não houve acolhimento do pleito do Município, comprometendo todas os repasses do ICMS que viriam até o fim do ano.

Ao todo, nos cálculos da Secretaria de Fazenda, deixará de entrar nos cofres do município um total de cerca de R$ 26 milhões de reais, que a Prefeitura considera que vai fazer muita falta para quitar os compromissos com o funcionalismo, com os fornecedores e prestadores de serviços.

Quanto ao pagamento do 13º salário dos demais funcionários públicos municipais, o prefeito Adriano Moreno, garantiu que “fará o possível para pagar o máximo de servidores dentro da capacidade e entrada de recursos”. Ele garantiu ainda que o pagamento da folha de novembro será feito dentro do mês de dezembro.

“Os funcionários da Saúde, por exemplo, recebem o pagamento até o dia 23. Vamos tentar honrar todos os compromissos que pudermos”, afirmou o prefeito.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.