quarta, 17 de abril de 2024
quarta, 17 de abril de 2024
Cabo Frio
26°C
Park Lagos Super banner
Park Lagos beer fest
assembleia

Professores dizem não à proposta do governo e greve continua

Irredutível, categoria exige pagamento do mês anterior até o quinto dia útil

25 fevereiro 2016 - 11h37
Professores dizem não à proposta do governo e greve continua

Na noite desta quarta-feira (24), em assembleia realizada na escola municipal São Cristóvão, os profissionais da Educação de Cabo Frio novamente rejeitaram a proposta do governo municipal e mantiveram a greve da categoria, que já dura mais de dois meses. A negativa já era esperada, uma vez que a oferta da prefeitura – 13º salário de 2015 em quatro parcelas e fixação do dia 23 como data de pagamento do mês anterior – foi a mesma que já tinha sido descartada na audiência da última terça (23) no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e reforçada horas antes pelo prefeito Alair Corrêa (PP) durante reunião da Comissão Especial de Educação da Câmara Municipal.

A categoria, no entanto, se mantém irredutível e exige o pagamento até o quinto dia útil de cada mês. Uma nova assembleia foi marcada para segunda-feira, dia 29, às 18h, na escola municipal Edilson Duarte. Antes disso, nesta sexta-feira (26), haverá novas reuniões com pais de alunos nas escolas Leaquim Schuindt (Jardim Esperança), Escola São Cristóvão e Edith Castro (2° Distrito).