Assine Já
quarta, 27 de outubro de 2021
Região dos Lagos
24ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52450 Óbitos: 2151
Confirmados Óbitos
Araruama 12382 441
Armação dos Búzios 6530 73
Arraial do Cabo 1736 93
Cabo Frio 14792 880
Iguaba Grande 5486 140
São Pedro da Aldeia 6993 289
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
Geral

Produção de grãos sinaliza recorde final e pode estimular investimento em produção

Soja já tem garantida a produção recorde estimada em 120,9 milhões de toneladas, com ganho de 5,1%.

12 agosto 2020 - 11h14Por Redação
Produção de grãos sinaliza recorde final e pode estimular investimento em produção

Tudo indica que produção de grãos da safra 2019/20 do Brasil vai registrar mais um recorde para sua história, com a marca de 253,7 milhões de toneladas. Esse número corresponde a um crescimento de 4,8% ou o equivalente a 11,6 milhões de toneladas sobre a produção da safra anterior. Esses dados foram impulsionados, principalmente, pela soja e milho, que possuem quase 90% da produção nacional.

Todos esses valores fazem parte do 11º Levantamento de Grãos realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado nesta terça-feira, 11. Sendo assim, com a produção no campo a todo vapor, talvez seja necessário investir em maquinários agrícolas. Ainda que de forma discreta, sem comprometer tanto o orçamento, é preciso garantir o desenvolvimento pleno da lavoura. Comprar um trator usado barato, por exemplo, pode ser uma opção. 

A colheita da primeira e segunda safra das commodities já estão quase se encerrando e com isso o estudo passa a analisar as culturas de terceira e de inverno. Ou seja, é feito uma busca em relação ao comportamento climático que vem favorecendo as lavouras até agora. A soja já tem garantida a produção recorde estimada em 120,9 milhões de toneladas, com ganho de 5,1%. Aliás, se tratando de soja, há trator New Holland à venda no mercado, que oferece um ótimo desempenho com esse tipo de grão. 

Outro que pode ser contemplado com um maquinário New Holland é o milho, que já finalizou a primeira safra com recorde de 102,1 milhões de toneladas. No caminho para o fechar a segunda safra, ele depende de 1,5% da contribuição das lavouras cultivadas na região do Sealba (Sergipe, Alagoas e nordeste da Bahia). 

É bom dizer que as culturas de inverno, como aveia, canola, centeio, cevada trigo e triticale, ainda não fecharam o plantio, mas irão encerrar neste mês e devem apresentar resultados animadores. A estimativa é de crescimento de 12,1% na área plantada, com destaque para o trigo, que sinaliza um crescimento de 14,1% e alcance de 2,33 milhões de hectares.

Se tudo ocorrer bem, na área climática pelo menos, a produção deve fazer história e chegar a um recorde de 6,8 milhões de toneladas. Afinal, o Brasil só ultrapassou a marca dos 6 milhões de toneladas de trigo em 4 ocasiões, sendo esta a maior, caso se confirmem as estimativas.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.