Assine Já
sexta, 14 de maio de 2021
Região dos Lagos
24ºmax
17ºmin
http://www.alerj.rj.gov.br/
Tropical mobile
TEMPO REAL Confirmados: 38094 Óbitos: 1459
Confirmados Óbitos
Araruama 9614 300
Armação dos Búzios 4695 57
Arraial do Cabo 1317 69
Cabo Frio 10146 538
Iguaba Grande 3800 93
São Pedro da Aldeia 5248 227
Saquarema 3274 175
Últimas notícias sobre a COVID-19
Bons resultados

Produção brasileira de grãos deve aumentar 8% e estimular investimentos agrícolas

A agricultura brasileira está produzindo como nunca.

26 agosto 2020 - 22h12Por Celso Martins

De acordo com cálculos estatísticos da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a colheita brasileira pode fechar em 278,7 milhões de toneladas de grãos na safra 2020/21, o que representa aumento de 8%. Esse volume corresponde a produção de 15 grãos, sendo que milho, soja, algodão, arroz e feijão participam com 95% do total. 

Obviamente, todos esses valores receberam o respaldo de cálculos, que foram realizados com base em inúmeros dados de campo, previsões climática e imagens de satélites. Tudo isso foi divulgado na Perspectivas para a Agropecuária Safra 2020/21 – Edição Grãos, da Conab.

Durante o anúncio dessas expectativas animadoras para o setor agrícola e, de modo geral, para economia brasileira, a ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) informou que esses resultados são advindos do esforço do setor produtivo. Além disso, destacou a importância dos investimentos do governo para ampliar os recursos financeiros, facilitar o acesso a novos produtos, diminuir entraves burocráticos e disponibilizar informação de qualidade para todo o setor. 

“A agricultura brasileira está produzindo como nunca. Os investimentos nos laboratórios, em tecnologias que elevam a produtividade são rapidamente absorvidos pelos produtores e os resultados são o aumento de alimentos para todos. Não só para a população brasileira, mas também para as exportações, para que o Brasil continue sendo o grande supridor de alimentos para o mundo”, disse Tereza Cristina.

Sendo assim, com todos esses pontos que têm estimulado o desenvolvimento rural, é natural que os bons resultados sejam revertidos em investimentos, também, por parte do produtor do campo na própria colheita. Por isso, é possível que o setor de compra e vendas de implementos agrícolas registre um aumento. Afinal, o desejo de aproveitar essa onda de positividade na safra, pode incentivar a ampliação do trabalho no campo, gerando contratos de novos funcionários, com mão de obra qualificada, ou a busca de novos maquinários, como tratores Massey Ferguson, por exemplo, que tem tradição e qualidade. 

Mas caso você, produtor rural, esteja preocupado com a situação de algumas áreas da economia nacional, embora o setor agrícola siga em pleno desenvolvimento, talvez, seja o momento de realizar investimentos moderados. Ou seja, aquisições mais seguras para o bolso, como pesquisar por tratores usados à venda em São Paulo (SP), por exemplo, já que esse tipo de maquinário possui valores menores, mesmo em uma das maiores regiões de produtos agrícolas do Brasil.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.