Assine Já
quinta, 28 de outubro de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
18ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52450 Óbitos: 2151
Confirmados Óbitos
Araruama 12382 441
Armação dos Búzios 6530 73
Arraial do Cabo 1736 93
Cabo Frio 14792 880
Iguaba Grande 5486 140
São Pedro da Aldeia 6993 289
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
SEM DOR DE CABEÇA

Procon Estadual lança cartilha com orientações para compras na Black Friday

Recomenda-se que o consumidor pesquise os preços dos produtos em sites e lojas diferentes

02 novembro 2020 - 10h12Por Redação

Neste mês de novembro, acontece a Black Friday, época em que os lojistas promovem descontos e ofertas. Para informar a população e fornecedores, o Procon Estadual do Rio de Janeiro, preparou uma cartilha com dicas para consumidores que farão compras em sites ou lojas físicas durante a Black Friday. O material também servirá como guia para os comerciantes ficarem atentos aos procedimentos de preços, na oferta, garantia, troca, entrega e na segurança do site, que são os principais pontos para os consumidores ficarem atentos.

Recomenda-se que o consumidor pesquise os preços dos produtos em sites e lojas diferentes. A pesquisa será um parâmetro para saber se os produtos estão com preços realmente promocionais. Evitando que o comprador caia na “pegadinha da maquiagem de preço”, quando o fornecedor aumenta o valor do produto com antecedência para simular um grande desconto.

– É um evento importante para o comércio e desenvolvimento da economia, e uma oportunidade que o consumidor aguarda para comprar aquele produto que deseja com um desconto especial. É importante o consumidor ter atenção com a comparação de preços e a seriedade e idoneidade do fornecedor para não ter frustração. Quanto aos fornecedores é importante preservar a credibilidade do evento – declarou o presidente do Procon-RJ, o Cássio Coelho.

Além da cartilha, o Procon-RJ está monitorando os preços dos principais produtos vendidos na Black Friday. A pesquisa está sendo realizada desde o mês de setembro e ajudará os consumidores a comparar se determinados itens realmente estão com desconto. Em breve o material será publicado nas redes sociais oficiais do Procon-RJ

Atenção ao preço

O consumidor precisa prestar atenção no valor à vista e parcelado do produto. Alguns fornecedores informam com destaque apenas o valor da parcela e em letras miúdas a quantidade de prestação. Essa é uma prática que desrespeita o CDC (Código de Defesa do Consumidor) e pode induzir a erro.

Cuidado com a garantia estendida

Nesse momento de ofertas, muitas lojas embutem o valor da garantia estendida no produto, o que não é permitido, então é muito importante estar atento para não cair em armadilhas.

Se optar pela garantia estendida, antes de contratar, peça para ler a apólice e verifique aquilo que de fato será coberto por este tipo de garantia, assim como o que não estará coberto.

Prazo de troca

Algumas lojas físicas não permitem a troca de produtos comprados na Black Friday, o que é permitido, desde que a informação esteja clara para consumidor. Segundo o CDC, o fornecedor não tem obrigação de trocar o produto se este não apresenta vício ou defeito. Por isso, é muito importante perguntar sobre a política de troca da loja e ter certeza do que está comprando.

Já nas compras realizadas pela internet ou fora do estabelecimento comercial, existe o direito de arrependimento. Portanto, o consumidor que efetuou a compra de algum produto ou contratou algum serviço fora do estabelecimento comercial tem até sete dias a contar da data compra ou do recebimento do produto/serviço para se arrepender e solicitar o cancelamento da compra.

Segurança no comércio eletrônico

Ao entrar no site, confira na barra do navegador se o endereço eletrônico usa o protocolo HTTPS e se é exibido um ícone em forma de cadeado fechado. Isso indica que o site é seguro e possui certificado digital.

Sites com preços muito abaixo do mercado, precisam de atenção. O consumidor deve desconfiar desse tipo de e-commerce. Ao efetuar a compra, não esquecer de capturar todas as telas. Guardar todos os e-mails de confirmação do pedido, pagamento e qualquer outra comunicação que receba da loja também é imprescindível.

Para acessar todas as orientações do Procon-RJ, acesse a cartilha pelo link: https://bit.ly/proconrj-cartilha-black-friday .

Caso não haja o cumprimento da oferta, cabe reclamação no Procon-RJ, autarquia vinculada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico. Se o consumidor verificar alguma irregularidade, é importante denunciar. As denúncias e reclamações podem ser feitas através dos canais de atendimento online. Utilize o computador e acesse o site www.procononline.rj.gov.br ou baixe o aplicativo “Procon RJ” no seu smartphone.

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.