Assine Já
quinta, 04 de março de 2021
Região dos Lagos
30ºmax
21ºmin
Tropical
Tropical mobile
TEMPO REAL Confirmados: 27159 Óbitos: 934
Confirmados Óbitos
Araruama 6957 183
Armação dos Búzios 3253 32
Arraial do Cabo 865 38
Cabo Frio 7495 359
Iguaba Grande 2563 58
São Pedro da Aldeia 3575 130
Saquarema 2451 134
Últimas notícias sobre a COVID-19
Cabo Frio Artes Manuais

Primeiro dia do 'Cabo Frio Artes Manuais' tem boa procura de público

Evento é promovido pela loja Caçula que abrirá filial no Park Lagos neste sábado (13)

12 maio 2017 - 17h49Por Redação I Foto: Luis Gurgel
Primeiro dia do 'Cabo Frio Artes Manuais' tem boa procura de público

Primeiro dia do 'Cabo Frio Artes Manuais' tem boa procura de público

O primeiro dia do evento ‘Cabo Frio Artes Manuais’ no Shopping Park Lagos, aberto ontem, teve boa presença de público antes mesmo do início oficial. Dezenas de pessoas fizeram fila para participar das oficinas de artesanato e das palestras sobre a formalização da atividade de artesão. O evento é realizado pela loja Caçula que será inaugurada hoje, no shopping, a partir das 10 horas.

O prefeito de Cabo Frio, Marquinho Mendes, não compareceu à abertura do evento, mas foi representado pela vice Rute Schuindt e pelo secretário de Fazenda, Clésio Guimarães. Também estiveram presentes o secretário de Cultura, Ricardo Chopinho, e a secretária de Turismo, Fabíola Bleicker.

– É um evento muito importante porque é a oportunidade de conhecer os artesãos da cidade, cadastrá-los, capacitá-los e deixá-los prontos para o mercado de trabalho, já que já saem formalizados – disse Chopinho.

Até o próximo dia 20, além da oferta de 5 mil vagas para as aulas, o artista também poderá tirar o CNPJ e ter seu alvará emitido devido a parceria entre o Sebrae e a Secretaria de Fazenda de Cabo Frio. Cada participante deve levar um quilo de alimento não-perecível (pede-se não doar açúcar nem sal). O volume arrecadado será distribuído para instituições de acolhimento a crianças e idosos escolhidas pela Secretaria de Assistência Social.

–Esse evento é um presente que a Caçula está trazendo para cidade para estimular as pessoas que fazem artesanato a aprenderem novas técnicas e conhecerem novos produtos e também as pessoas que ainda não fazem, a terem uma nova atividade profissional – comentou Roberto Santos, coordenador do projeto.